Por que diversas estátuas do Egito Antigo têm o nariz danificado?

Os ladrões de túmulos tinham um curioso e sobrenatural motivo para quebrar parte das estátuas

Alana Sousa Publicado em 18/07/2019, às 10h00

Crédito: Reprodução

Edward Bleiberg, curador do Brooklyn Museum, revelou em entrevista à revista Artsy o motivo de diversas estátuas do antigo Egito terem o nariz, ou parte dele, destruído.

Segundo o especialista, ladrões de tumbas mutilavam as obras de arte egípcias com o objetivo de matar espíritos vingativos suspendendo sua respiração pelo nariz.

Diversas peças danificadas estão presentes na exposição Striking Power: Iconoclasm in Ancient Egypt, na Fundação de Artes Pulitzer, em St. Louise. O objetivo é provar que, apesar da protuberância poder se quebrar de forma natural durante os anos, o padrão regular de quebra demonstra que os casos não foram aleatórios.

Em uma descrição sobre a exposição, que se concentra nos reinados do faraó Hatshepsut (1478 a 1458 a.C.) e Akhenaton (1353 a 1336 a.C.), o pesquisador explicou que esse comportamento foi direcionado e muitas vezes "motivado por questões políticas e religiosas".

Para os antigos egípcios, as esculturas eram como um vaso para a alma da pessoa que representavam. E, ao esmagar uma parte da estátua, os ladrões da sepultura provavelmente acreditavam que poderiam desativar a força de uma imagem. "A parte danificada do corpo não é mais capaz de fazer o seu trabalho", disse Bleiberg à Artsy.

Assim, de nariz quebrado, a estátua perderia sua capacidade de respirar. E não poderia mais voltar para o mundo terreno em busca de vingança.

Leia também

A tumba de Tutancâmon, o mais famoso faraó do Egito
Estátua do antigo Egito contrabandeada há cerca de 30 anos é resgatada
Maldição egípcia: Escultura de casal de 3 500 anos foi vandalizada para negar a eles a vida eterna
Arqueólogos investigam “sopa de restos humanos” em vala comum no Egito
Egito investiga fotógrafo que fez sexo no topo da Grande Pirâmide de Gizé
nariz quebrado espiritos Akhenaton tumbas Hatshepsut Faraó Egito Antigo Egito estatuas