Armas japonesas: precisão mortal

Isolados do resto do mundo durante muito tempo, os japoneses tornaram-se hábeis no manejo de poucas armas

Fabiano Onça Publicado em 01/04/2008, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

A tradição de combate japonesa, mais do que em qualquer outro lugar, é um verdadeiro tributo às armas brancas, ainda mais depois de os Tokugawa banirem as armas de fogo no país, no século 16.

Yari

O que era - O mais básico dos armamentos encontrados no período medieval japonês é a yari, a lança. Acredita-se que a tradição no uso desta arma tenha vindo da China. No Japão, o domínio desta técnica de luta é chamado de sojutsu. A lâmina de uma yari é reta, mas com as laterais transversais ou em meia-lua.

Por que foi importante - A yari era a arma básica dos camponeses e dos soldados rasos (ashigaru), que serviam na infantaria, embora os samurais também se valessem eventualmente dela, preferindo-a à espada.

 

Ficha técnica

Comprimento: 1 a 6 metros

Lâmina: 30 a 90 cm

Yumi

O que é - O yumi (arco japonês) tem profundas diferenças em relação a seus pares de outras partes do mundo. Em primeiro lugar, são armas enormes, com mais de dois metros de comprimento. Em segundo lugar, o arqueiro empunha a arma no seu terço inferior, deixando dois terços dela livres. Em terceiro, o braço que segura a flecha deve se posicionar acima da cabeça.

Por que foi importante - De todas as armas, a que mais está ligada à nobreza e aos samurais é o arco. O primeiro imperador japonês, Jimmu (que, de acordo com a lenda, viveu por volta de 500 a.C.), era sempre retratado portando um arco. Não por acaso, uma das cerimônias mais tradicionais dos samurais unia – como os povos das estepes – o uso do cavalo com o arco, na prática chamada Yabusame.

 

Ficha técnica

Comprimento: 2 metros

Material: bambu

Katana

O que é - A katana é uma espécie de espada japonesa (nihonto) de lâmina simples e levemente encurvada. Geralmente, era utilizada em companhia de uma espada menor, chamada de wakizashi. Enquanto a katana era usada em combate aberto, o wakizashi era apropriado para ações furtivas, em espaços fechados, para a prática de suicídios rituais ou mesmo como uma arma auxiliar.

Por que foi importante - Ao longo dos séculos, durante a elaboração do código de conduta guerreira, a espada ganhou crescente valor para os samurais. Seu porte, a partir de 1588, era exclusivo dessa casta guerreira e ela se tornou o símbolo maior da honra de um samurai. “A espada é a alma do samurai”, teria declarado Tokugawa Ieyasu.

 

Ficha técnica

Comprimento: 60 a 90 cm

Peso: aproximadamente 2 kg

Arcabuz

O que é - É uma arma de fogo primitiva utilizada durante os séculos 15 a 17. Seu uso deu às nações européias uma vantagem tecnológica sem precedentes, o que resultou, por exemplo, na vitória de Vasco da Gama contra o grande número de etíopes, em 1540.

Por que foi importante - Poucos anos após a chegada dos comerciantes portugueses ao Japão, em 1543, essa arma estava espalhada por todos os exércitos que combatiam no arquipélago japonês. Além dos Shimazu, o clã de Oda Nobunaga tinha muita fé neste equipamento. Na Batalha de Nagashino (1575), Nobunaga enfileirou três levas de arcabuzeiros para barrar um ataque de cavalaria. Essa arma tinha potencial de provocar um desequilíbrio militar tão grande que os Tokugawa não demoraram a bani-la do território japonês.

 

Ficha técnica

Comprimento: 1,5 metro

Peso: 8 kg

Naguinata

O que é - A naguinata é uma arma de haste que, grosseiramente falando, mistura uma lança com uma espada curva. Essa é outra tradição chinesa, conhecida por lá como guan dao. As primeiras menções ao uso da naguinata datam por volta de 700 d.C., em pinturas que representam monges-guerreiros (sohei) em ação.

Por que foi importante - A naguinata era uma arma excelente para repelir ataques de cavalaria (os soldados, dentre outras coisas, utilizavam-na para cortar as pernas dos cavalos). Também era uma arma muito apreciada pelas mulheres, particularmente as esposas dos samurais. Esperava-se que elas defendessem o lar na ausência do marido, e essa arma, por ser de longo alcance, permitia às mulheres anular a força de seus oponentes.

 

Ficha técnica

Comprimento: 2 a 3 metros

Comprimento da lâmina: aproximadamente 1 metro