Fatos históricos do mês de agosto

Fatos históricos do mês de agosto

Marilia Carolina Cristianni Publicado em 01/08/2008, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Dia 3/1907 - Presidente gaúcho - Em Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul

Nasce o futuro presidente brasileiro Ernesto Geisel. Em seus documentos, o ano de nascimento seria alterado para 1908, para que ele fosse admitido no Colégio Militar. Filho de um alemão que veio para o Brasil em 1890, tornou-se presidente por eleição indireta durante o regime militar e assumiu em março de 1974. Seu governo foi marcado pelo processo que ele chamou de abertura lenta, segura e gradual à democracia. Geisel faleceu em 1996.

Dia 6/1973 - Líder cubano - Em Marbella, na Espanha

Aos 72 anos, morre o ex-ditador de Cuba Fulgêncio Batista. Ele liderou o país por duas vezes, a primeira de 1933 a 1944 e, depois, entre 1952 e 1959. Seu segundo governo foi marcado por acusações de enriquecimento ilícito e agressões contra oposicionistas. Derrubado por Fidel Castro, Fulgêncio fugiu para a República Dominicana, em janeiro de 1959. Depois, foi para o exílio na Europa, onde morou até o fim da vida.

Dia 7/1888 - A estréia de JACK, o estripador - Em Londres, na Inglaterra

Mary Anne Nichols torna-se a primeira vítima do serial killer Jack, o Estripador. Seu corpo foi encontrado com a garganta cortada de uma orelha a outra. As mortes assustaram o bairro de Whitechapel entre agosto e novembro. As vítimas, de número desconhecido até hoje, eram prostitutas, haviam bebido e tiveram partes do corpo dilaceradas. O caso nunca foi solucionado.

Arquivo

“Ontem de manhã, o corpo de uma mulher foi encontrado (...) em Whitechapel, Londres. Ajuda médica foi chamada e então foi visto que a mulher havia sido brutalmente assassinada depois de serem encontrados ferimentos a faca no peito, estômago e abdômen. Ela tinha entre 34 e 40 anos de idade (...). Nenhum distúrbio foi ouvido e existe um grande mistério em volta de sua morte.” Notícia publicada no jornal Bradford Observer, em 8 de agosto de 1888

Dia 9/1992 - Medalha olímpica inédita - Em Barcelona, na Espanha

Sem perder nenhuma partida durante a competição, a seleção brasileira de vôlei vence os holandeses por três sets a zero e conquista a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Barcelona. Ao todo, o time teve oito vitórias e foi derrotado em apenas três sets. Foi a primeira vez que os brasileiros subiram ao topo do pódio em um esporte coletivo durante uma Olimpíada.

Eu me lembro

“Nós havíamos feito uma boa campanha e, apesar da certeza de que estávamos preparados, o clima antes da partida era de ansiedade. O primeiro set foi muito disputado, mas no segundo os holandeses já mostravam que estavam se entregando e eu só pensei em vencer. Foi com esse pensamento que marquei o último ponto da partida. Nunca vou me esquecer do arrepio que senti ao ouvir o Hino Nacional e ver a bandeira ser hasteada.”

Marcelo Negrão, jogador da seleção campeã olímpica

Dia 13/1521 - Civilização exterminada - Na atual Cidade do México, no México

Depois de mais de dois meses de cerco, a cidade de Tenochtitlán, capital asteca, é definitivamente dominada pelas tropas espanholas e indígenas comandadas pelo conquistador Hernán Cortés. O rei Cuauhtémoc é capturado – ele foi o 11º e último imperador daquele povo e seria morto pelos espanhóis em fevereiro do ano seguinte. Em conseqüência dos fatos desse dia, o México é conquistado definitivamente pela coroa da Espanha e o Império Asteca chega ao fim.

Dia 14/1040 - Macbeth de carne e osso - Perto de Elgin, na Escócia

Duncan I, rei da Escócia, é assassinado por seu primo Macbeth, que toma o poder. A tragédia inspirou o drama homônimo de William Shakespeare (1564-1616), escrito no início do século 17. Em 1057, Macbeth seria morto por Malcolm, o filho mais velho de Duncan I.

Dia 15/1534 - Pobreza, castidade, educação - Em Paris, na França

Inácio de Loyola, teólogo espanhol, conduz seis jovens homens até Paris, que se tornariam, ao seu lado, co-fundadores da Companhia de Jesus. Os primeiros jesuítas se unem por votos de pobreza, castidade e de peregrinação até Jerusalém. A organização seria aprovada como uma ordem da Igreja Católica pelo papa Paulo III em 1540 e se tornaria famosa por seus trabalhos missionários e educacionais ao redor do mundo.

Dia 18/1227 - O fim de gêngis Khan - Na Ásia

Aos 65 anos, morre o líder mongol Gêngis Khan, provavelmente vítima de uma febre alta. À frente de uma tribo nômade, ele dominou tribos rivais na Mongólia e estendeu o império por locais como a China e a Pérsia. Por tudo isso, é considerado um dos maiores conquistadores da história. Seus descendentes, entre filhos e netos, mantiveram as conquistas deixadas pelo líder e conservaram o poder na região durante centenas de anos.

Dia 23/1877 - Made in england - Na Grã-Bretanha

Com o objetivo de melhorar as oportunidades de exportação, os britânicos usam pela primeira vez no mundo a expressão made in. A idéia também era diferenciar os produtos da Grã-Bretanha dos de outros países, como os da Alemanha. Desde então, o termo passou a designar a procedência de toda a produção que é comercializada no exterior.

Dia 27/1859 - Chuva de petróleo - Na Pensilvânia, nos Estados Unidos

Maquinista aposentado, o americano Edwin Drake faz a primeira perfuração com sucesso de um poço de petróleo, a uma profundidade de cerca de 21 metros. A descoberta foi o impulso para a exploração comercial do petróleo no mundo. Cinco anos mais tarde, 543 companhias dedicadas à atividade já atuavam nos Estados Unidos.

Dia 29/1825 - Independência confirmada - No Rio de Janeiro, no Brasil

Dom João VI, rei de Portugal, assina um tratado que reconhece a independência do Brasil, proclamada por seu filho dom Pedro três anos antes. O acordo previa o pagamento de uma indenização de 2 milhões de libras esterlinas aos portugueses, além de garantir a dom João VI o direito de usar o título de “imperador honorário brasileiro”.

Arquivo

“Tendo (...) os mais vivos desejos de restabelecer a paz, amizade e boa harmonia entre povos (...), sua Majestade Fidelíssima reconhece o Brasil na categoria de Império Independente (...); e a Seu sobretodos muito amado, e prezado filho Dom Pedro por Imperador, (...) transferindo de Sua livre vontade a soberania do dito Império ao mesmo seu filho, e a seus legítimos sucessores. Sua Majestade Fidelíssima toma somente e reserva para a sua pessoa o mesmo título.” Trecho do tratado em que Portugal reconhece a independência do Brasil

Dia 31/1997 - Perseguição e morte - Em Paris, na França

A princesa Diana, seu namorado Dodi Al Fayed e o motorista que os conduzia morrem após o carro em que estavam se chocar contra uma pilastra do túnel sob a Ponte L’Alma, na capital francesa. O casal fugia de fotógrafos em alta velocidade quando o acidente aconteceu. O funeral da princesa, em 6 de setembro, foi transmitido para 1 bilhão de pessoas em todo o mundo. Diana havia sido esposa do príncipe Charles, com quem se casou em 1981 e de quem se separou 11 anos depois.

Eu me lembro

“Estava em casa e soube da morte com o telefonema de um colega que trabalhava em uma emissora de rádio. Imediatamente liguei a televisão na CNN, que já mostrava as imagens do carro destruído. Foi uma noite terrível, em que passei o tempo todo colhendo material para os programas de televisão e rádio em que atuava na época. É lamentável que uma mulher jovem tenha perdido a vida de forma tão brutal.”

Olga Bongiovanni, apresentadora de televisão