São Gabriel, São Miguel & São Rafael

Os arcanjos despertam a compreensão, ensinam a seguir bons caminhos, protegem contra espíritos do mal e zelam pela saúde dos homens

01/03/2007 00h00 Publicado em 01/03/2007, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Setembro 20

São Gabriel, São Miguel & São Rafael

Os arcanjos São Miguel, São Gabriel e São Rafael nunca tiveram uma existência terrena. São personagens bíblicos de natureza superior que ganharam a simpatia dos fiéis e, por isso, tornaram-se santos. Não precisaram passar por qualquer burocracia canônica para se tornarem imagens adoradas.

Miguel é o mais popular deles, por ter a capacidade de libertar os fiéis das ciladas do demônio e dos espíritos maléficos. Acredita-se que, quando invocado, proteja contra todos os perigos. As aparições dele também reforçam o culto a seu nome. Dizem que no ano 390 ele levou uma mensagem importante para o bispo da cidade de Siponto, na Itália, e apareceu para ele.

Os relatos contam que um touro afastou-se do rebanho e seu dono, enfurecido, atirou flechas envenenadas contra ele. Porém, os artefatos voltaram e atingiram o próprio homem. Após o ocorrido, o bispo mandou a população fazer jejum. Foi quando Miguel disse: “Aquele homem foi atingido por seus dardos por minha vontade. Quis mostrar que na Terra habito este lugar e sou o inspetor guardião dele”.

Séculos mais tarde, o arcanjo apareceu para a guerreira francesa Joana D’Arc. Primeiro, falou com a menina quando ela tinha 13 anos, em 1425. Depois, visitou-a novamente e avisou à jovem que ela deveria ajudar o rei Carlos VII a libertar seu país do domínio inglês. À frente do exército francês, com apenas 17 anos, ela derrotou o inimigo na Guerra dos 100 Anos, mas foi capturada e queimada na fogueira, acusada de heresia.

A valentia e a coragem de Miguel o transformaram no protetor da capoeira. Os pára-quedistas, antes de saltar, gritam seu nome e pedem proteção. Provavelmente os praticantes do esporte também se identificam com o anjo por ele ser destemido e ainda ter asas. São Miguel também é o padroeiro dos padeiros e confeiteiros, mas os motivos da associação com as profissões são desconhecidos.

O arcanjo é representado tradicionalmente com vestes militares, com um estandarte na mão ou pisando um dragão. Suas imagens foram mudando ao longo do tempo e as características celestiais só apareceram depois do século 5. Até então, era representado como uma figura andrógina. Jovem, sem asas e sem auréola. Quase sempre sem barba e vestindo uma túnica. A identificação mais difundida, principalmente na Idade Média, é a de Miguel segurando uma balança. O imaginário popular acredita que ele é quem conduz aqueles que deixam este mundo para serem julgados por Deus. Por isso, o arcanjo pesa as almas e as separa entre boas e más.

Foi exatamente Deus quem enviou Rafael para entre os homens. Segundo o Antigo Testamento, ele veio com a missão de curar a cegueira do pai do jovem Tobias. Ele usou fel extraído de um peixe para fazer o homem enxergar. Depois desse episódio, acompanhou Tobias durante uma perigosa viagem em que ele deveria conquistar uma esposa. No trajeto, contou ao rapaz que era “um dos sete anjos santos que se apresentam diante da glória de Deus, levando a orações dos santos”. Por isso, passou a ser considerado o guia dos viajantes.

O arcanjo tradicionalmente é representado segurando um peixe na mão. Além do episódio com o pai de Tobias, Rafael usou o animal em outro relato da Bíblia. Ele teria extraído do coração e do fígado do peixe os elementos necessários para exorcizar o demônio que afligia havia anos a garota Sara, filha de Raquel.

Ele também é guardião da saúde e dos olhos. Seu próprio nome significa “Deus te cura”. É comum encontrar imagens de Rafael em hospitais. Ele é invocado para trazer a cura de diversos males.

Gabriel é o mensageiro das boas-novas. Foi ele quem apareceu para Zacarias e avisou que sua mulher, Isabel, estava grávida, apesar de ter idade avançada. “Eu sou Gabriel, o que está na presença de Deus. Isabel lhe dará um filho, no qual porás o nome de João e muitos se alegrarão com o seu nascimento. Ele terá uma grande tarefa diante do Senhor”, disse Gabriel, referindo-se à missão de João Bastista de anunciar a vinda do messias. Isabel era prima da Virgem Maria, que também recebeu a visita do anjo. “Salve Maria, cheia de graça, o Senhor está contigo. Não tenhas medo, Maria, porque estás na graça do Senhor. Conceberás um filho no qual porás o nome de Jesus. Ele será filho do Altíssimo e seu Reino não terá fim.” Por causa dessas histórias, os católicos desenvolveram um carinho especial pelo arcanjo e o consideram um arauto da esperança e da revelação. Ele tornou-se o protetor dos comunicadores e costuma ser representado com uma trombeta. Acredita-se que ele tem o poder de despertar a compreenssão e ensinar as pessoas a seguir os bons caminhos.

 

O santo contra espíritos do mal

1. As asas e a auréola simbolizam o resplendor do santo anjo.

2. A espada é o instrumento utilizado para lutar contra o diabo e os espíritos do mal.

3. As vestimentas militares o identificam como um combatente a serviço de Deus

4. Ele também carrega uma balança nas mãos, que utiliza para pesar as almas boas e más.

A oração

São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio! Ordene-lhe Deus, instantaneamente o pedimos; e vós, príncipe da milícia celeste, pelo poder divino, precipitai ao inferno Satanás e todos os espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Amém.

Quem é Miguel

Miguel significa “quem, como Deus?” É o defensor do povo de Deus no tempo de angústia. É o padroeiro universal da Igreja e aquele que acompanha as almas dos mortos até o céu. Hoje, ele é celebrado no mesmo dia de Gabriel e Rafael. Antigamente Gabriel era festejado em 24 de março e Rafael, em 24 de outubro.

 

O padroeiro da comunicação

1. O resplendor do santo anjo é simbolizado pelas asas e a auréola.

2. O anjo anuncia à Virgem Maria o nascimento de Jesus. Em algumas imagens, aparece a pomba branca que representa o Espírito Santo.

A oração

Anjo da encarnação, fiel mensageiro de Deus, abri nossos ouvidos, até para as mais leves admoestações e toques da graça do coração amoroso de Nosso Senhor. Permanecei sempre conosco, nós vos suplicamos. Para que compreendamos devidamente a palavra de Deus, sigamos suas inspirações e, docilmente obedientes, cumpramos aquilo que Deus quer de nós. Fazei que sejamos sempre prontos e vigilantes, para que o Senhor não nos encontre dormindo, quando chegar! Amém.

Quem é gabriel

Gabriel significa “Deus é forte” ou “aquele que está na presença de Deus”. Ele aparece no assim chamado Evangelho da Infância, como mensageiro da boa-nova do reino de Deus. É ele que anuncia o nascimento de João Batista e de Jesus. Anuncia, portanto, o surgimento de uma nova era, um tempo de esperança e de salvação para todos os homens.

 

O protetor da saúde

1. O resplendor do santo anjo é representado pelas asas e a auréola.

2. O jovem é Tobias, que pede ao anjo para curar a cegueira de seu pai enfermo.

3. O peixe forneceu o fel que São Rafael usou para curar o pai de Tobias.

A oração

Guardião da saúde e da cura, peço que vossos raios curativos desçam sobre mim, dando-me saúde e cura. Guardai meus corpos físico e mental, livrando-me de todas as doenças. Expandi vossa beleza curativa em meu lar, meus filhos e familiares, no trabalho que executo, para as pessoas com quem convivo diariamente. Afastai a discórdia e ajudai-me a superar conflitos. Arcanjo Rafael, transformai minha alma e meu ser, para que eu possa sempre refletir vossa luz. Que assim seja. Amém.

Quem é rafael

Rafael, que quer dizer “medicina dos deuses” ou “Deus te cura”, foi o companheiro de viagem de Tobias e curou o pai dele, que não enxergava. É o arcanjo que cura, que expulsa os demônios. São Rafael é o companheiro de viagem do homem, seu guia e seu protetor nas adversidades.