Últimas: foto, selo e hidrelétrica

Últimas: foto, selo e hidrelétrica

01/06/2008 00h00 Publicado em 01/06/2008, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Heróis via Sedex

Os Correios colocaram em circulação 20 selos postais que homenageiam grandes personalidades brasileiras. As imagens foram retiradas do Livro de Aço dos Heróis Nacionais, que fica no Panteão da Pátria Tancredo Neves, localizado na praça dos Três Poderes, em Brasília. Os escolhidos são: dom Pedro I, marechal Deodoro da Fonseca, duque de Caxias, almirante Barroso, almirante Tamandaré, José Bonifácio de Andrada e Silva, Alberto Santos Dumont, Zumbi dos Palmares, Tiradentes e Plácido de Castro. Cada selo custa 90 centavos.

A primeira foto

Sem querer, a casa de leilões Sotheby’s ajudou a identificar a provável primeira fotografia da História. Procurado pela empresa para confirmar a autenticidade de uma imagem chamada A Folha, que acreditava-se ser de 1839, o historiador Larry J. Schaaf descobriu que aquela foto era bem mais antiga, provavelmente da década de 1790. A foto teria sido tirada por Thomas Wedgwood (1771-1805), que fazia experiências com “fotos solares”, em que objetos planos eram imersos em nitrato e expostos ao sol. Nenhuma imagem de Wedgwood era conhecida – até agora.

Operação de salvamento

A construção de uma usina hidrelétrica entre Maranhão e Tocantins fez com que arqueólogos e historiadores locais começassem uma corrida contra o tempo. Em busca de artefatos prestes a se perder, eles percorrem os 12 municípios que vão ser atingidos pelo reservatório da usina hidrelétrica Estreito. Já foram encontrados seis sítios arqueológicos. O desafio é coletar esse material antes que o lugar fique embaixo d’água, em 2009.