Vive La France!

Vive La France!

Flávia Ribeiro e Fábio Varsano e Fabiano Onça Publicado em 01/02/2008, às 00h00 - Atualizado em 23/10/2017, às 16h36

Aventuras na História
Aventuras na História - Arquivo Aventuras

Para os americanos, libertar a França talvez fosse uma aventura.

Para os ingleses, libertar a França talvez fosse um favor para um aliado.

Para os canadenses, libertar a França talvez fosse um passo para acabar com o nazismo.

Mas para as tropas da França Livre, agora 2ª Divisão Blindada do Exército francês, libertar a França era verdadeiramente uma questão de honra.

Foi por isso que, ao saber do levante de Paris, em agosto de 1944, essa tropa, comandada pelo general LeClerc, não hesitou em abandonar sua formação junto às tropas americanas e marchar a toda velocidade para Paris.

E foi por isso que, mesmo impedida de avançar, essa tropa enviou uma coluna, a coluna Dronne, para que chegasse o mais cedo possível a Paris.

O que os protegia não eram os números, nem os blindados, nem as armas.

Era a insuperável vontade de reaver a terra amada da mão dos inimigos.