Curiosidades » Brasil

'1499 – O Brasil Antes de Cabral': a história dos povos indígenas, segundo livro

A obra do jornalista Reinaldo José Lopes revela como era a vida dos povos originários antes da vinda de Cabral

Redação Publicado em 03/07/2021, às 15h18

1499 – O Brasil Antes de Cabral, de Reinaldo José Lopes (2017)
1499 – O Brasil Antes de Cabral, de Reinaldo José Lopes (2017) - Divulgação / HarperCollins

A história do Brasil começa em 1500. Antes disso, houve no sentido mais clássico da expressão, a Pré-História. Uma espécie de limbo narrativo no qual vivem as sociedades sem escrita. Para quem procura por histórias precisas de reis e eras, é como se não houvesse nada.

É mais ou menos essa a impressão que tem alguém que termina o Ensino Médio no Brasil. Que não havia nada, ou nada que se possa aprender, antes de Cabral. Fruto de uma pesquisa de 15 anos, 1499 – O Brasil Antes de Cabral, do jornalista Reinaldo José Lopes, busca desmontar essa visão antiga e inadequada.

Na ausência da escrita, quem conta a história dos indígenas é o registro arqueológico, as lendas, a história genética e até relatos históricos pós-colonização, desconsiderados em sua época como exageros e mentiras. E o que surge daí é uma história não menos fascinante que dos incas, astecas e maias.

Na Amazônia, os indígenas brasileiros fizeram cidades dispersas, mas com dezenas de milhares de habitantes – que só não se tornaram tão famosas quanto Chichen Itza porque eram de madeira e o tempo as apagou. Pela mesma época, havia uma rede de comércio criada pelos povos originários do Brasil que chegavannaos Andes. Aqui foram criadas algumas das mais importantes especialidades da América, o tabaco e o cacau.

Em outras palavras, esqueça o estereótipo de que os povos originários são “primitivos” em comparação aos do resto do continente. A obra de Reinaldo José Lopes também aborda alguns fatos e mistérios da antiguidade mais profunda, de muitos milênios antes da colonização.

Como a incrível fauna encontrada pelos primeiros migrantes, tatus com o tamanho de carros e preguiças grandes como elefantes. E o que teria acontecido com o povo de Luzia, o primeiro esqueleto da América do Sul, que parece ter pertencido a pessoas com características australoides, muito diferentes dos indígenas atuais.


+Saiba mais sobre a obra citada acima por meio da Amazon: 

1499 – O Brasil Antes de Cabral, de Reinaldo José Lopes (2017) - https://amzn.to/36e2GCC

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W


++Saiba mais sobre o Brasil Colonial por meio de obras disponíveis na Amazon:

O Brasil colonial (Vol. 1), de João Luís Ribeiro Fragoso e Maria de Fátima Gouveia (2014) - https://amzn.to/3b15Gmx

O Brasil colonial (Vol. 2), de João Luís Ribeiro Fragoso e Maria de Fátima Gouveia (2014) - https://amzn.to/3aWgGlg

A Formação da Elite Colonial no Brasil, de Rodrigo Ricupero (2020) - https://amzn.to/34zGamg

A conquista do Brasil, de Thales Guaracy (2015) - https://amzn.to/2VlkbLC

História do Brasil colônia, de Laima Mesgravis (2015) - https://amzn.to/2ww5AV7

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W