Curiosidades » Nazismo

A prisão de Hitler em Landsberg após a tentativa frustrada de dar um golpe de Estado

Durante seu tempo atrás das grades, o tirano escreveu seu livro controverso e conquistou aliados

Caio Tortamano Publicado em 20/12/2020, às 00h00 - Atualizado em 09/07/2021, às 10h30

Estátua de cera de Hitler no Madame Tussauds, em Berlim, Alemanha
Estátua de cera de Hitler no Madame Tussauds, em Berlim, Alemanha - Getty Images

Criado em 1920, o Partido Nazista foi liderado por Adolf Hitler de 1921 até 1945. Após a criação deste partido, o líder nazista se aproximou do general Erich Ludendorff, que também havia participado da Primeira Guerra Mundial.

Ao lado do combatente, o futuro tirano tentou tomar o poder da Baviera (estado alemão) por meio de um golpe conhecido como o Putsch da Cervejaria (ou Munique).

A tentativa 

Durante uma reunião pública, realizada em uma grande cervejaria localizada em Munique, Hitler — que planejava desafiar o governo central da Alemanha em Berlim — interrompeu o discurso do até então comissário do Estado, Gustav Ritter von Kahr. Na ocasião, o nazista anunciou que uma revolução ganharia vida.

Logo em seguida, Adolf revelou que formaria um novo governo ao lado do general Ludendorff. Após o pronunciamento, ameaçou os comissários que estavam ali presentes, conseguindo a cooperação dos trabalhadores.

Adolf Hitler em aparição pública / Crédito: Domínio Público

 

Pouco tempo depois, o futuro Führer ordenou que suas tropas ocupassem os principais quartéis da polícia, no entanto, as forças da Baviera decidiram não ajudá-lo. A tentativa de golpe foi duramente repreendida pelas autoridades, que atearam fogo contra aqueles que eram considerados inimigos do Estado. 

A prisão

Acusado de alta traição à Pátria, o líder nazista foi preso no dia 11 de novembro de 1923 e, em seguida, levado a corte popular de Munique. Como o julgamento só seria realizado no ano seguinte, ele aproveitou a repercussão da tentativa de golpe para discursar em prol de sua defesa. Tal exposição atraiu, ainda, inúmeras pessoas para a causa, conquistando aliados. 

Após o julgamento, Hitler foi indiciado a cinco anos de prisão em Landsberg. Enquanto esteve preso, o futuro Führer recebeu constantes visitas, cartas e encomendas de apoiadores. Além disso, foi neste período que escreveu o livro Mein Kampf (Minha Luta, em tradução livre) para o seu ajudante, Rudolf Hess. Mais tarde, a obra ficou conhecida por detalhar os terríveis planos de Hitler em unificar a raça alemã em ariana. 

Adolf Hitler em pintura / Crédito: Getty Images

 

Embora tenha sido condenado a cinco anos de prisão, Führer ficou detido apenas durante 9 meses, sendo libertado em dezembro de 1924. Na época, o líder nazista consegiu ser perdoado pela Suprema Corte da Baviera, mesmo com objeção de Gustav Ritter von Kahr.

No entanto, após sair da prisão, Hitler foi proibido de realizar discursos públicos. Já o Partido Nazista foi banido de Baviera. Contudo, ele logo retomou as atividades do partido, até que mais tarde assumiu o controle do território alemão.

Hitler após ser liberto da prisão de Landsberg, em 1924 / Crédito: Getty Images

 

Em 1929, quando a bolsa de valores dos Estados Unidos quebrou, a Alemanha foi duramente impactada pela crise econômica. No entanto, foi neste momento, que Adolf, apoiado pelo Partido Nazista, assumiu o controle da situação, levando, mais tarde, a humanidade para um dos piores genocídios da História.

Já em janeiro de 1933, o até então presidente Hindenburg o nomeou como chanceler do Reich. Isso foi suficiente para Hitler começar a colocar em prática suas ideias malignas de extermínio da população menos favorecida.


+Saiba mais sobre Hitler por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Hitler, de Ian Kershaw (2010) - https://amzn.to/2VfP7ga

O jovem Hitler: Os anos de formação do Führer, de Paul Ham (2020) - https://amzn.to/34qJb88

Minha Luta Contra Hitler, de Dietrich Von Hildebrand (2020) - https://amzn.to/3b1Kkpk

A mente de Adolf Hitler, de Walter C. Langer (2018) - https://amzn.to/2ySuHlV

Os fornos de Hitler: A história de uma sobrevivente de Auschwitz, de Olga Lengyel (2018) - https://amzn.to/3efDr5A

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W