Curiosidades » Civilizações

39 esposas e 94 filhos: a saga de Ziona Chana, que faleceu no último domingo (13)

Líder da seita Chana tinha uma das maiores família do mundo

Redação Publicado em 15/06/2021, às 15h30

A grande família
A grande família - Crédito: Divulgação/Vídeo/Youtube/60 Minutes

Nesta última segunda-feira, a família de Ziona Chana confirmou a sua morte aos 76 anos. Sofrendo com hipertensão e diabetes, Chana faleceu na Índia.

Ele liderava uma seita poligâmica e tinha um total de 39 esposas e 94 filhos. As informações foram repercutidas pelo portal de notícias, G1.

Contudo, se engana quem pensa que essa é a maior família do mundo. No Canadá, os Blackmore têm 178 membros, que configuram esposas, filhos e netos.

Mulheres e filhos

Instigando curiosos, ele dizia ser chefe da ‘maior família do mundo’, com 167 membros, que moram numa casa de 4 andares e mais de 100 quartos disponíveis.

Família reunida /Crédito: Divulgação/Vídeo/Youtube/DocBites

 

Ao mesmo tempo, suas mulheres dividiam um dormitório próximo ao seu quarto. O que não é de se espantar já que em 2011 Ziona declarou que tinha vontade de expandir a sua família.

‘Coração pesado’

Atraindo curiosos dentro e fora do país, até mesmo o governador do Estado de Mizoram sentiu a morte de Ziona.

Crédito: Divulgação/Vídeo/Youtube/DocBites

 

Ele fez uma postagem lamentando o episódio nas redes sociais: ‘Me despeço de Chana com o coração pesado’, escreveu Zoramthanga, relembrando que a família virou uma atração turística.

A seita

A seita Chana ganhou vida em 1942, sendo originada pelo pai do líder que faleceu no último domingo, 13, contando com outras famílias.

Ziona selou matrimônio pela primeira vez quando tinha apenas 17 anos. Já naquele momento ele dizia ter se casado com o insólito número de 10 mulheres no mesmo ano.

Outra curiosidade sobre a seita é que ela segue princípios cristãos, mesmo tendo a poligamia ignorada pela Igreja Presbiteriana.