Curiosidades » Personagem

5 fatos sobre Margaret Thatcher que você precisa conhecer antes de assistir The Crown

A primeira-ministra da Grã-Bretanha passou por diversos momentos em sua carreira política. Confira!

Giovanna de Matteo Publicado em 11/11/2020, às 14h36 - Atualizado às 14h37

Margaret Thatcher (Olivia Colman) em The Crow (2020)
Margaret Thatcher (Olivia Colman) em The Crow (2020) - Divulgação/Netflix

Margaret Thatcher foi uma política importante para a Grã-Bretanha. Ela foi a primeira mulher a ser primeira-ministra do país, e se envolveu em diversas polêmicas durante seu mandato. Atualmente, opiniões sobre ela se dividem entre admirações e repúdios. Até 1990, ela enfrentou e venceu sindicatos, cortou gastos públicos e derrotou os militares argentinos na Guerra das Malvinas - ou seja, fez jus ao apelido de Dama de Ferro.

Interpretada por Gillian Anderson, a figura da "Dama de Ferro" foi destaque no trailer da nova temporada de The Crow, que estreia no próximo dia 15 de novembro na Netflix.

A quarta temporada  se passará nos anos 1970, quando a Família Real Britânica começa a se preocupar com a linha de sucessão ao trono e inicia a busca de uma esposa para Príncipe Charles. A nova temporada também mostrará detalhes da conturbada relação entre Thatcher e Rainha Elizabeth, além do início do relacionamento entre Charles e a Princesa Diana.  

As três temporadas anteriores já estão disponíveis na Netflix. O elenco da nova temporada permanece o mesmo, mas ele passará, novamente, por uma renovação para as duas últimas temporadas de The Crown, que não abordará polêmicas mais atuais da monarquia inglesa.  

Sabendo disso, o site Aventuras na História separou 5 fatos sobre Margaret Thatcher que você precisa saber antes de maratonar a série.

1. Chefe feminina para o mundo

Thatcher foi a primeira mulher a conseguir o posto mais alto do governo no Reino Unido, sendo eleita como primeira-ministra em 1979, e ocupando o cargo até 1990.

Ela foi eleita três vezes consecutivas pelo partido conservador, do qual era líder, ficando no governo por 11 anos e meio - o maior período de tempo durante o século 20 na Grã-Bretanha.

2. País em crise

Quando ela entrou no governo teve de encarar uma crise de informação, déficits econômicos no orçamento e uma baixa industrial. A solução para os problemas foi radical. Suas primeiras políticas consistiam em conceitos liberais, executando a diminuição do Estado, a desarticulação dos sindicatos, privatização da indústria, e ainda, a desregulamentação da economia.

3. Críticas ferrenhas

Manifestação contra o governo de Thatcher no centro de Londres, em  31 de março de 1990 / Wikimedia Commons

 

Inicialmente, as decisões agravaram a crise já instalada no país, o que causou uma queda nas avaliações de seu governo, tanto por parte da população quanto por parte do seu próprio partido.

Perto das eleições, parte considerável dos conservadores propôs um acordo pela sua indicação, contudo, ela negou com uma resposta que entrou para a história: “eu não sou uma política de consenso, sou uma política de convicção.”

4. Apelido (não muito) carinhoso 

O famoso apelido de Thatcher surgiu pela primeira vez em 1976, quando uma agência da mídia soviética se referiu à britânica como "Dama de Ferro”, por conta de sua inflexibilidade ao lidar com questões da guerra fria, que envolviam decisões rígidas contra os países comunistas. 

5. Exemplo para Reagan

Thatcher e Reagan, os dois maiores expoentes do neoliberalismo colonial entre as potências ocidentais /  Divulgação

 

O 40° presidente dos Estados Unidos, Ronald Reagan, se inspirou nas políticas da primeira-ministra. Durante seu governo, o homem também se exibiu fortemente como uma figura anti-comunista e liderou políticas liberais. 

Mas nem tudo foi igual: Enquanto Thatcher tendia a cortar os gastos do governo, e ser menos dura no corte de taxas, Reagan era mais adapto ao corte de impostos, e quase incapaz de controlar os gastos.


+Saiba mais sobre a rainha Elizabeth II e a família real nas obras disponíveis na Amazon:

A Real Elizabeth, Andrew Marr (2012) - https://amzn.to/2I62WYs

Elizabeth I - O Anoitecer de um Reinado, Margaret George (2012) - https://amzn.to/2FBPL08

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II, Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2PxUxAW

Queen Elizabeth II: The Biography, University Press (2019) - https://amzn.to/2Tatq1f

A Brief History of the Private Life of Elizabeth II, Michael Paterson (2012) - https://amzn.to/394Qjsq

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du