Curiosidades » Astronomia

Sanduíche contrabandeado e música misteriosa: 5 histórias dos bastidores do homem no espaço

De espingardas serradas a sanduíche contrabandeado que quase colocou uma missão em risco

Giovanna Gomes Publicado em 04/11/2020, às 09h42

Registro da Lua
Registro da Lua - Divulgação

Diversas são as histórias e teorias que envolvem a icônica chegada do homem à Lua. Talvez devido à característica fascinante e da grandiosidade das missões espaciais, muitos, infelizmente, chegam até mesmo duvidar que alguém seria capaz de tal feito.

De toda forma, existem alguns episódios envolvendo o tema que são no mínimo intrigantes. Por isso, o site Aventuras na História separou 5 histórias pouco conhecidas sobre a ida do homem ao espaço.

1. Escopeta de três canos

O uso da escopeta de três canos é, no mínimo, intrigante e gera inúmeras teorias. O modelo TP-82 foi projetado especialmente para os cosmonautas russos utilizarem ao final de suas missões. No entanto, ao contrário do que algumas pessoas possam imaginar, as armas não serviam para que eles lutassem contra alienígenas.

[Colocar ALT]
Arma serrada - Museu de Artilharia de São Petersburgo

A explicação é simples. Os russos usavam a Sibéria como área de pouso para as cápsulas que retornavam do espaço, no entanto, a maioria das tentativas de pouso saía do curso, de modo que havia o grande perigo de que a tripulação encontrasse ursos no local em que pousassem.

Dessa forma, as armas serviam para matar animais que ocasionalmente pudessem encontrar assim que chegassem à Terra. 

 

2. As fitas do primeiro pouso 

Imagem da missão Apollo 11 - Pixabay

 

Em 2006, a NASA admitiu que havia perdido o controle de quase todos os registros relativos à missão Apollo 11. Foi revelado que todas as fitas da histórica missão haviam sido apagadas acidentalmente e que não poderiam ser recuperadas.

O motivo? Bom, a agência espacial acabou reutilizando as bobinas, provavelmente, esse foi o destino das imagens da missão que entrou para a história. Felizmente, agências de notícias como a CBS, haviam documentado toda a missão da Apollo 11. 

3. Sanduíche contrabandeado 

John Young (à esquerda) e o sanduíche de carne enlatada que ele levou para o espaço - Divulgação/ NASA

 

Em 1965, um sanduíche contrabandeado quase provocou um grave acidente durante a missão Gemini 3. Contrariando as regras da NASA, que proibiam que os astronautas levassem esse tipo de alimento para o espaço, Wally Schirra entregou um lanche a JohnYoung como uma brincadeira, pouco antes do lançamento da missão.

Ao morderem o sanduíche, várias migalhas começaram a flutuar por toda cabine. O grande risco é que os restos poderiam facilmente entrar nos olhos dos tripulantes ou nos painéis elétricos da nave, de modo que equipamentos poderiam ser danificados e, assim, um grave incêndio dominar a cabine.

Quando retornaram da missão, os astronautas foram repreendidos pela Nasa e pela Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, que não gostaram nada da brincadeira.

4. A 'misteriosa' música

A quarta missão tripulada do Programa Apollo, lançada em 18 de maio de 1969, tinha um propósito modesto: testar o módulo lunar e outras partes da missão que realmente contou. E nisso foi bem sucedida: ela foi o sinal verde para Neil Armstrong e Buzz Aldrin caminharem na superfície do satélite terrestre.

Mas voltou com uma coisa a mais, que a NASA então manteve em sigilo. No quinto dia da missão, 22 de maio, astronautas gravaram uma hora de sons... peculiares. 

Um dos astronautas se referiu ao barulho como um “som irritante de assobio”, enquanto outro tenta acalmar a equipe afirmando ser apenas um “tipo de música do espaço”. A isso, os outros responderam que, se fosse mesmo uma música, era certamente bem esquisita.

A tese mais "terrena" (e plausível) é que simplesmente tenha sido uma interferência entre os rádios do módulo de comando, em órbita da Lua, e do módulo lunar, o que os astronautas interpretaram como "música" por associação psicológica.

5. Transmissão constrangedora

John Young na Lua em 1972 - Reprodução

 

Em 1972, John Young, que englobou a Apollo 16,esqueceu de que estava com seu microfone ligado e conversou com os demais astronautas sobre seus problemas gástricos. Assim, o objeto foi capaz de registrar a conversa hilária dos astronautas. 

"Estou peidando de novo", afirmou John durante conversa com Duke. "Não sei o que diabos está me causando isso... acho que é acidez no estômago". 

Após o incidente, o governador da Flórida, Reubin Askew, comentou sobre o caso em uma entrevista coletiva pelo fato de Young ter culpado as frutas de seu Estado pelos problemas intestinais.


+Saiba mais sobre missões espaciais por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Picturing Apollo 11: Rare Views and Undiscovered Moments (Edição Inglês), de J. L. Pickering e John Bisney (2019) - https://amzn.to/2UcNKiD

NASA Mission AS-506 Apollo 11 Owners' Workshop Manual: 50th Anniversary of 1st Moon Landing (Edição Inglês), de Christopher Riley e Philip Dolling (2019) - https://amzn.to/2AEMRbO

Neil Armstrong: A biografia essencial do primeiro homem a pisar na Lua, Jay Barbree, 2018 - https://amzn.to/2sI1sPS

Moonfire - the epic journey of apollo 11 (Edição Inglês), de Colum Mccann (2020) - https://amzn.to/3ePsCqA

Moonbound: Apollo 11 and the Dream of Spaceflight (Edição Inglês), de Jonathan Fetter-Vorm (2019) - https://amzn.to/2Ue8iHo

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W

Caption