Curiosidades » Arqueologia

Restos de 14 mil anos e pioneirismo dos babilônios: 6 descobertas surpreendentes da última semana

Confira os achados notáveis que foram divulgados através de pesquisas na última semana

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 15/08/2021, às 07h00

Restos mortais de mulher encontrados na Espanha
Restos mortais de mulher encontrados na Espanha - Divulgação/CEPA

1. Evidências do Cavalo de Troia na Turquia

Nas colinas de Hisarlik, território que pertence à Turquia, arqueólogos fizeram uma descoberta impressionante durante escavações que chegam a mais de 15 metros de profundidade. Eles se depararam com uma estrutura de madeira que pode ter feito parte do Cavalo de Troia.

Os pesquisadores envolvidos no projeto acreditam, apesar de ser uma pesquisa inicial, que o material encontrado remonta ao período da Guerra de Troia, o que foi atestado por meio de exames científicos. Ainda assim, a descoberta causa controvérsias pois tal cavalo não foi descrito por Homero em Ilíada.


2. Organismo ‘Blob’ passa a ser objeto de estudo

Foto aproximada do organismo / Crédito: Divulgação/NASA 

 

Embora não seja uma descoberta recente, o fato de o organismo nomeado ‘Blob’ ter sido enviado para ser estudado pela Estação Espacial Internacional (ISS) possibilitará novas informações sobre o ser que surgiu no planeta há 500 milhões de anos. 

Segundo os pesquisadores, ‘Blob’ não faz parte do reino animal, nem das plantas e fungos, sendo da espécie Physarum polycephalum. Ele é considerado um ser do reino protista, que apresenta apenas uma célula com uma série de núcleos, embora não tenha cérebro, boca nem patas.


3.Crocodilo de espécie tida como extinta em Bangladesh

Um crocodilo da espécie Crocodylus palustris foi visto em um vilarejo em Faridpur, em Bangladesh, depois de praticamente desaparecer por mais de meio século. Por tal motivo, pesquisadores acreditavam que tal animal estava inclusive extinto no país.

O crocodilo-persa chamou a atenção dos moradores da vila por ter mais ou menos 2,3 metros de comprimento. Além disso, especialistas também afirmaram que ele é um macho que tem entre 10 e 12 anos de idade.


4. Ossos de mulher que viveu há 14 mil anos na Espanha

Pesquisadores encontraram ossos entre grandes blocos que caíram do teto da caverna Cova Gran, localizada no noroeste da Espanha. Por meio da datação por radiocarbono, foi possível determinar que se tratava de uma mulher há cerca de 14 mil anos.

O próprio local onde a descoberta foi feita já foi palco de outros achados do passado, visto que Homo sapiens a habitaram no passado. Desde 2002, arqueólogos vêm identificando na caverna vestígios de pessoas que viveram ali nos últimos 50 mil anos.


5. Estudo indica pioneirismo dos babilônios no cálculo do Teorema de Pitágoras

Fotografia da placa antiga / Crédito: Divulgação/ Universidade de Nova Gales do Sul

 

Uma placa, batizada como Si.427, foi encontrada em 1894, onde hoje está o Iraque. As inscrições de 3,7 mil anos, porém, só foram identificadas recentemente e revelam que os antigos babilônios já usavam o Teorema de Pitágoras pelo menos mil anos antes do nascimento do próprio Pitágoras de Samos.

A descoberta foi impressionante, pois, para os pesquisadores envolvidos no estudo, é possível que a tabuleta de argila seja a mais antiga representação do conhecimento de geometria aplicada da história.


6. Evidências de terremoto descrito na Bíblia em Jerusalém

Fotografia de vasos encontrados no local que foram reconstituídos pelos arqueólogos / Crédito: Divulgação/ Youtube/ Israel Antiquities Authority Official Channel

 

Escavações realizadas na Cidade de Davi, em Jerusalém, revelaram uma série de artefatos de 2.800 anos que podem estar relacionados a um terremoto descrito em inúmeras passagens da Bíblia. 

Segundo os pesquisadores, os itens, como lamparinas, jarros e vasos quebrados, teriam sido danificados pelo choque com as paredes da construção em que estavam, colapsada devido ao terremoto.


+Saiba mais sobre arqueologia por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Arqueologia, de Pedro Paulo Funari (2003) - https://amzn.to/36N44tI

Uma breve história da arqueologia, de Brian Fagan (2019) - https://amzn.to/2GHGaWg

Descobrindo a arqueologia: o que os mortos podem nos contar sobre a vida?, de Alecsandra Fernandes (2014) - https://amzn.to/36QkWjD

Manual de Arqueologia Pré-histórica, de Nuno Ferreira Bicho (2011) - https://amzn.to/2S58oPL

História do Pensamento Arqueológico, de Bruce G. Trigger (2011) - https://amzn.to/34tKEeb

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W