Curiosidades » Estados Unidos

A invenção que fracassou: A épica saga das bonecas falantes de Thomas Edison

O norte-americano conhecido por suas invenções revolucionárias enfrentou um episódio peculiar em sua carreira, após uma de suas criações se tornar um problema

Penélope Coelho Publicado em 11/02/2021, às 12h26

Thomas Edison e suas bonecas falantes
Thomas Edison e suas bonecas falantes - Wikimedia Commons / National Park Service

Conforme repercutido pelo jornal argentino Infobae, em dezembro do ano passado, o inventor norte-americano Thomas Edison enfrentou um momento de fracasso em sua carreira profissional. Após uma de suas criações dar errado, o homem teve que lidar com as consequências.

Sabe-se que o empreendedor o foi um dos maiores inventores da História, sendo responsável pela criação de diversos dispositivos de comunicação e ficou marcado pela invenção da lâmpada incandescente, apesar de algumas contraposições sobre o assunto, o homem ajudou a moldar o modelo de energia elétrica como conhecemos hoje.

Contudo, nem todos os projetos de Thomas tiveram tanto sucesso. É o caso da bateria de carro elétrico; câmera de cinema e o fonógrafo (um aparelho de gravação e reprodução de sons). O que ninguém poderia imaginar é que uma boneca falante se tornaria uma de suas maiores frustrações.

Fotografia de Thomas Edison / Crédito: Wikimedia Commons

 

A ideia

No final do século 19, o inventor estava empenhado em um projeto de criação de bonecas que reproduziam falas, barulhos e músicas. Tudo aconteceu após o Edison criar o fonógrafo em 1877 e conseguir repetir um som gravado anteriormente.

Animado com a descoberta, o empreendedor queria aplicar essa nova tecnologia em brinquedos. O que hoje em dia parece banal, na época era uma novidade e tanto para que as crianças pudessem se divertir.

Medindo 56 centímetros e pesando cerca de 2 quilos, as bonecas foram projetadas com articulações de madeira, acabamento em porcelana e cera. No interior de cada uma foi inserido uma pequena versão do fonógrafo que reproduzia diversas canções de ninar típicas dos Estados Unidos.

Em abril de 1890, as bonecas deixaram a fábrica de Edison para se tornar produtos comerciais. Contudo, o dispositivo apresentou problemas e gerou reações peculiares em quem realizou a compra.

Monstrinhos

Depois de algumas semanas após a distribuição dos primeiros lotes dos brinquedos, as reclamações sobre o produto começaram a aumentar cada dia mais nas distribuidoras da fábrica.

Os compradores tinham queixas parecidas: a manivela acabava escapanda das mãos, o cilindro de cera que acoplava o fonógrafo estava danificado e a qualidade do som emitido pela boneca era péssima. Mas, o pior ainda estava por vir: o brinquedo assustava as crianças e não fez sucesso.

Boneca produzida por Thomas Edison / Crédito: Wikimedia Commons

 

Após a confusão, Edison decidiu finalizar a produção e venda do item. Acredita-se que somente 500 bonecas tenham sido vendidas em uma fabricação de 7.500. Hoje em dia, o produto é considerado extremamente raro, assim se tornando peça de colecionador que pode ser encontrada em museus. 

O inventor acreditava que o novo empreendimento seria um sucesso de entretenimento para produtos infantis, mas, se surpreendeu negativamente. Por isso, os fatídicos brinquedos foram apelidados de ‘monstrinhos’ por Thomas.

Entretanto, apesar do fracasso, o norte-americano ainda acreditava no potencial desses brinquedos. O homem insistiu no projeto a partir de melhorias, mas, especialistas acreditam que ele não tenha entendido muito bem sobre o mercado que tentava investir.

O esforço para o refinanciamento da produção das bonecas não deu certo e as tentativas de comercializar o brinquedo novamente foram falhas, tornando-se um marco negativo na notável carreira de Thomas Edison.


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

THOMAS EDISON: Biografia de um Genial Inventor e Empreendedor, vários autores (2018) - https://amzn.to/3d3bXlJ

Edison, de Edmund Morris (2019) - https://amzn.to/3aPvRhm

Thomas Edison: A curiosa vida de um dos maiores inventores da história, de John F. Kalli (2020) - https://amzn.to/2NljXU8

1001 invenções que mudaram o mundo, Jack Challoner (2014)  - https://amzn.to/2WDeFnF

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W