Curiosidades » Edward Mãos de Tesoura

De Michael Jackson a inspiração: 5 curiosidades sobre 'Edward Mãos de Tesoura'

Edward Mãos de Tesoura, filme de Tim Burton, se tornou um dos mais emocionantes da lista do renomado diretor

Redação Publicado em 08/05/2022, às 06h00

Imagens promocionais de 'Edward Mãos de Tesoura' em montagem
Imagens promocionais de 'Edward Mãos de Tesoura' em montagem - Divulgação/20th Century Fox

Em meio a um turbulento julgamento no qual acusa a ex-companheira Amber Heard de difamação, Johnny Depp tem sido um dos nomes mais comentados do mundo nos últimos dias. 

Iniciado em 11 de abril, o processo movido pelo astro se deve a um artigo escrito por Heard em 2018 no The Washington Post no qual ela diz ser uma "figura pública que representa a violência doméstica". 

Em uma das sessões do julgamento, Depp, demitido da franquia 'Piratas do Caribe', onde dava vida ao pirata Jack Sparrow, explicou que queria ter dado um final digno ao personagen. 

"Eu não entendia muito bem como depois daquele longo relacionamento e um relacionamento bem-sucedido, certamente para a Disney, de repente, eu era culpado até provar que era inocente... Meu sentimento era que esses personagens deveriam poder ter seu adeus apropriado, por assim dizer [...] Há uma maneira de terminar uma franquia assim. E eu pensei que os personagens mereciam terminar sua franquia em uma nota muito boa. Eu planejava continuar até a hora de parar,” explicou ele, conforme repercutido pelo Screen Rant e Rolling Stone Brasil. 

Bem antes de viver o pirata, o ator deu vida a outro personagem marcante, imortalizando na famosa lista de filmes do diretor Tim Burton. Estamos falando da atuação de Depp em 'Edward Mãos de Tesoura'. 

O longa conta a história de Edward. Originado em laboratório, o cientista que o criou morre antes mesmo de finalizar a 'criatura'. Como consequência, ele vive de maneira solitária num castelo até ser surpreendido pela personagem Peg Boggs, interpretada pela talentosa Dianne Wiest. 

Cena de 'Edward Mãos de Tesoura' /Crédito: Divulgação/20th Century Fox

Ela, que vive no subúrbio e tem uma típica família da época, decide tirar Edward da escuridão e levá-lo para sua casa. Assim, o filme mostra a adaptação do personagem que encanta a vizinhança, mas também encontra problemas. 

Abaixo, separamos curiosidades sobre o filme que ainda encanta gerações. 

1. Apenas 169 palavras

Marcado pela timidez após tantos anos em solidão, muitos já devem ter percebido que o personagem Edward quase não fala durante o filme. Ao decorrer do longa, o homem vivido por Depp no filme falou apenas 169 palavras, como repercutiu a Rolling Stone Brasil. 

Todavia, as expressões do ator acabaram por causar impacto em quem assiste o filme e se depara com um personagem marcante, apesar de muito misterioso.


2. Casas de verdade 

Outro ponto que chama atenção no filme são as curiosas casas presentes no bairro em que o personagem passa a viver com a família de Peg Boggs.

Divulgação/20th Century Fox

Pintadas em tom pastel, as construções eram reais e não uma artimanha de estúdio. Para conseguirem gravar o filme, as pessoas que residiam nas casas foram hospedadas num hotel.


3. Inspiração 

Como uma figura isolada, o visual de Edward é marcado pelo cabelo bagunçado, olheiras e principalmente a pele pálida, que chama atenção de quem assiste ao longa. 

A inspiração para isso veio do personagem sonâmbulo principal do longa 'O Gabinete do Dr. Caligari', de Robert Wiene.


4. Quase Michael Jackson?

Muitos não devem saber que um dos maiores nomes da música pop poderia ter imortalizado o filme de Burton. Michael Jackson, o eterno rei do pop, era o nome que Tim Burton queria para viver o personagem no longa.

No entanto, ele não foi o único. A Rolling Stone Brasil explica que além de Depp, os astros Tom Cruise, Jim Carrey e até mesmo Robert Downey Jr. foram cogitados pelo renomado diretor de cinema.


5. O favorito de Burton 

Como um dos maiores nomes do cinema mundial, Burton carrega ilustres produções em sua bagagem, como Peixe Grande a Alice nos País das Maravilhas. No entanto, o filme estrelado por Depp é o favorito entre as suas criações.