Curiosidades » Naufrágio

De naufrágio a ataque de tubarões: 5 fatos sobre o desastre do USS Indianapolis, ocorrido há 75 anos

O fatídico episódio matou mais de 700 tripulantes no fim da Segunda Guerra Mundial

Victória Gearini Publicado em 30/07/2020, às 09h48

Navio USS Indianapolis
Navio USS Indianapolis - Wikimedia Commons

Em julho de 1945, o navio de guerra americano USS Indianapolis deixou o porto de San Francisco, na Califórnia, e pouco dias após ser lançado ao mar sofreu um grave acidente, causando inúmeras mortes. Confira abaixo 5 fatos sobre essa tragédia ocorreu há 75 anos e escandalizou a sociedade da época.

1. Missão ultrassecreta

Em direção a uma missão ultrassecreta, o cruzador levou consigo 1.100 marinheiros a bordo. O interior do compartimento abrigava, ainda, urânio enriquecido da bomba atômica Little Boy, que seria lançada semana depois sobre a cidade de Hiroshima. Entretanto, durante o trajeto, pouco dias após ter sido lançado ao mar, o cruzador naufragou e causou uma catástrofe inestimável. 


2. Displicência do capitão

Após a tripulação entregar o ominoso pacote de urânio, acredita-se que o capitão tenha sido displicente, o que teria ocasionado a tragédia posteriormente. Durante o trajeto até Leyete, o comandante do cruzador manteve uma velocidade de 12 nós. No entanto, teve que se abster de uma manobra em zigue-zague.

Tripulação do USS Indianapolis, em 1932 / Crédito: Getty Images

 

Em uma guerra, manter a embarcação em zigue-zague dificulta que forças inimigas bombardeiem o navio. Por conta dessa suposta displicência do capitão, um submarino japonês atingiu o USS Indianapolis, pouco mais da meia noite do dia 30 de julho de 1945. 


3. Mortes 

Na hora, cerca de 300 tripulantes morreram e em torno de 12 minutos depois, o USS Indianapolis afundou. Enquanto o navio naufragava, os sobreviventes tiveram tempo apenas de colocar coletes e saltar sobre a água gelada. Em pequenos e insuficientes botes de salva vidas, cerca de 800 pessoas conseguiram saltar ao mar. 


4. Ataques de tubarões 

Quando a embarcação foi atingida e naufragou, o óleo do compartimento interior vazou ao mar e enquanto os marinheiros tentavam se salvar, acabaram ingerindo água salgada com óleo. 

Navio do modelo USS Indianapolis / Crédito: Wikimedia Commons

 

No entanto, o pior estava por vir. Enquanto esperavam pelo resgate, mais de 100 tripulantes foram devorados por tubarões nas primeiras horas, e dezenas ficaram feridos. Com dor, fome e frio, os homens agonizavam ao mesmo tempo que lutavam para espantar os animais marinhos e para se manterem sob a superfície.


5. Resgate acidental

Exaustos e sem esperanças, muitos homens deixaram ser abocanhados pelos tenebrosos tubarões brancos. Até que, quatro dias depois do naufrágio, um pequeno grupo foi avistado pelo Tenente Wilbor Swin.

Sobreviventes sendo resgatados / Crédito: Wikimedia Commons

 

Durante um vôo de rotina, o piloto avistou os homens à deriva e imediatamente acionou a equipe de resgate. Dos 1.100 marinheiros que embarcaram no USS Indianapolis, apenas 321 conseguiram ser resgatados com vida. Este fatídico episódio ficou conhecido como o pior e maior ataque de tubarões já registrado na História.


+Saiba mais sobre naufrágios por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Naufrágios, de Akira Yoshimura (2003) - https://amzn.to/2VNBpkZ

O Naufrágio do Goilden Mary, de Charles Dickens (2016) - https://amzn.to/2XXFXry

Livro dos Naufrágios: Ensaio Sobre a História Trágico-Marítima, de Angélica Madeira (2005) - https://amzn.to/2VuOTTR

Três destinos, de Nora Roberts (2019) - https://amzn.to/2XTfECZ

Todo naufrágio é também um lugar de chegada, de Marco Severo (2019) - https://amzn.to/2KmQMvv

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W