Curiosidades » Guerras

Guerra do Salitre: o conflito causado pela descoberta de fezes de animais

Em 1879, a descoberta singular causou uma verdadeira confusão

Redação Publicado em 10/07/2020, às 09h00

Imagem ilustrativa de um morcego
Imagem ilustrativa de um morcego - Imagem de Simon Berstecher por Pixabay

Guerras já foram travadas em nome de divergências ideológicas, da conquista e da glória, e até mesmo por uma mulher. Mas somente os combatentes da Guerra do Pacífico podem dizer que lutaram pela posse de uma pilha de excremento.

Conhecida como a Guerra do Salitre, o conflito teve início em 1879, com a descoberta de enormes depósitos de guano, fezes de pássaros e morcegos, no Deserto do Atacama. O material era o único fertilizante antes do processo de obtenção da amônia, no século 20.

A altercação começou quando a Bolívia quis aumentar as taxas sobre a exploração de empresas chilenas, descumprindo um acordo assinado. A disputa logo se tornou uma crise diplomática e guerra de verdade.

Forçado a participar do embate devido a uma aliança com a Bolívia, o Peru entrou na disputa contra o Chile. Mas as forças armadas chilenas eram mais bem preparadas. Após uma série de vitórias em terra e mar, os chilenos ocuparam a capital peruana, Lima.

O Peru rendeu-se, em 1833, e assinou um acordo de paz. Entre outras atrocidades, os chilenos saquearam livros da Biblioteca Nacional peruana, que só seriam devolvidos em 2007. O Exército boliviano resistiu por mais um ano, mas, sem recursos, também assinou uma trégua.

O Chile anexou a antiga província peruana de Tarapacá e a boliviana Antofagasta às suas terras, deixando os vizinhos da Bolívia sem acesso ao mar.