Curiosidades » Entretenimento

Luta feminista: 5 livros para entender a trajetória feminina ao longo da História

A busca por direitos iguais movimenta inúmeras pautas deste movimento social e político

Victória Gearini Publicado em 08/03/2020, às 11h00

Mulher protestando em Ohio, em 1970
Mulher protestando em Ohio, em 1970 - Getty Images

1. O feminismo é para todo mundo: Políticas arrebatadoras, de Bell hooks (2018)

A autora premiada e eleita uma das principais intelectuais norte-americanas, pela revista Atlantic Monthly, e uma das 100 Pessoas Visionárias que Podem Mudar Sua Vida, pela revista Utne Reader, Bell hooks aborda a visão e política do movimento feminista. Seu intuito é combater o sexismo e qualquer forma de opressão, visando atingir todas classes e gêneros, de forma didática.

Crédito: Rosa dos Tempos

 

2. Breve História do feminismo, de Carla Cristina Garcia (2018)

O feminismo pode ser compreendido como uma filosofia política e como um movimento social, a medida que, as mulheres passaram a ter noção do ambiente machista e patriarcal a qual estavam inseridas. Esta obra apresenta um contexto histórico, desde a tomada de consciência até os dias atuais. 

Crédito: Claridade

 

3. Breve história do feminismo no Brasil e outros ensaios, de Maria Amélia de Almeida Teles (2018)

Publicado pela primeira vez em 1993, esta nova edição apresenta seis novos ensaios, que analisam as heranças deixadas pela ditadura militar. A obra é considerada de extrema importância, pois apresenta a construção do feminismo brasileiro. A autora discute ainda sobre a participação de mulheres de periferia no movimento e a resistência feminina durante a ditadura.

Crédito: Alameda Casa Editorial

 

4. Os direitos das mulheres: feminismo e trabalho no Brasil (1917-1937), de Glaucia Fraccaro (2019)

A história do feminismo está ligada diretamente com a luta por direitos trabalhistas. Este livro, relata as greves de 1917, até a instauração do Estado Novo em 1937. Neste período milhares de mulheres, operárias e sindicalistas foram para as ruas de São Paulo protestar, em busca pelos seus direitos, como licença maternidade e igualdade salarial.

Crédito: Editora FGV

 

5. Mulheres na luta armada: Protagonismo Feminino na ALN (Ação Libertadora Nacional), de Maria Cláudia Badan Ribeiro (2018)

A obra de Maria Cláudia Ribeiro aborda o envolvimento das mulheres na luta armada, durante o período da ditadura militar no Brasil. Apesar de terem indícios que o feminismo no Brasil tenha surgido antes, a obra mostra que foi neste período de repressão política que o movimento eclodiu no país. A obra compara ainda a as feministas brasileira com as europeias e estadunidenses, mostrando questões culturais.

 
Crédito: Alameda

+Saiba mais sobre o tema através das obras abaixo

O feminismo é para todo mundo: Políticas arrebatadoras, de Bell hooks (2018) - https://amzn.to/2IIWiIj

Breve História do feminismo, de Carla Cristina Garcia (2018) - https://amzn.to/2IIkwm2

Breve história do feminismo no Brasil e outros ensaios, de Maria Amélia de Almeida Teles (2018) - https://amzn.to/35plH3r

Os direitos das mulheres: feminismo e trabalho no Brasil (1917-1937), de Glaucia Fraccaro (2019) - https://amzn.to/2B2CcVb

Mulheres na luta armada: Protagonismo Feminino na ALN (Ação Libertadora Nacional), de Maria Cláudia Badan Ribeiro (2018) - https://amzn.to/2nCBTxb

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.