Curiosidades » Entretenimento

5 obras importantes para entender a participação de mulheres em guerras

Saiba como a figura feminina foi importante para decidir os rumos de conflitos históricos

Victória Gearini Publicado em 22/10/2019, às 19h00

None
Larousse

1. A guerra não tem rosto de mulher, de Svetlana Aleksiévitch (2016)

[Colocar ALT]
Crédito: Companhia das Letras

Svetlana Aleksiévitch reconstrói a história de soldadas soviéticas que lutaram durante a Segunda Guerra Mundial. Por meio dos relatos das sobreviventes, a autora aborda as memórias relacionadas ao frio e a fome, além de denunciar a violência sexual sofrida por elas. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[Colocar ALT]
Crédito: Larousse

2. As Mulheres na Guerra. 1939-1945, de Vários Autores (2010) 

Esta obra aborda a participação das mulheres durante a Segunda Guerra Mundial e a importância da figura feminina nos rumos desse conflito. As Mulheres na Guerra vai além de um simples livro, trata-se de um documento que evidência o duro trabalho executado por elas em fábricas e campos.

 

 

 

 

 

3. Mulheres sem nome, de Martha Hall Kelly (2017)

[Colocar ALT]
Crédito: Intrínseca

O romance de Martha Hall Kelly é baseado em personagens reais e retrata o contexto histórico da Segunda Guerra Mundial. A obra conta a história de três mulheres que as vidas se cruzam quando uma delas é capturada pela SS e enviada para um campo de concentração. Além de apresentar fatos históricos, a trama promete envolver o leitor com relatos emocionantes. 

 

 

 

 

 

 

 

 

[Colocar ALT]
Crédito: Imago

4. Homens e Mulheres na Guerra do Paraguai, de Joseph Eskenazi Pernidji (2003)

A obra conta a história de Elisa Lynch, uma aventureira anglo-irlandesa que participou da guerra do Paraguai. A jovem que sonhava em ser a imperatriz do Prata, movimenta o cenário do conflito com suas paixões e ódios incontroláveis.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

5. As espiãs do Dia D, de Ken Follett (2015)

[Colocar ALT]
Crédito: Editora Arqueiro

As espiãs do Dia D conta a história da oficial inglesa Felicity Clairet, que após a morte de seu marido durante a Segunda Guerra Mundial, recebe uma missão de formar uma equipe composta somente por mulheres com o intuito de invadir o palácio, disfarçadas de faxineiras.

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Acesse os links abaixo para comprar os produtos:

1. A guerra não tem rosto de mulher, de Svetlana Aleksiévitch (2016) - https://amzn.to/2W2LzxI

2. As Mulheres na Guerra. 1939-1945, de Vários Autores (2010) - https://amzn.to/2BvPXMt

3. Mulheres sem nome, de Martha Hall Kelly (2017) - https://amzn.to/2MDrSJR

4. Homens e Mulheres na Guerra do Paraguai, de Joseph Eskenazi Pernidji (2003) - https://amzn.to/2JfpWoV

5. As espiãs do Dia D, de Ken Follett (2015) - https://amzn.to/2BxlKMU

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível de produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.