Curiosidades » Áustria

A história peculiar do vilarejo austríaco Fucking — que agora trocou de nome

Cansados dos episódios conturbados, os moradores do vilarejo optaram pela mudança do nome do local

Giovanna Gomes Publicado em 21/01/2021, às 12h21

O vilarejo mudou de nome no início de 2021
O vilarejo mudou de nome no início de 2021 - Divulgação

Um pequeno vilarejo de pouco mais de 100 habitantes foi, durante muitos anos, alvo de piadas na Áustria. O termo Fucking, que não possui significado em alemão, é um palavrão na língua inglesa, o que fez com que a aldeia obtivesse uma enorme fama indesejada.

No intuito de fazer com que as piadas e visitas ao local por parte de turistas cessassem, a população decidiu mudar o nome da aldeia para Fugging, um termo semelhante, mas que não contém o teor bizarro do termo anterior. 

Origem do nome

A origem do nome do vilarejo é controversa. Conforme uma tradição local, ele foi fundado no século 6 por um nobre bávaro chamado Focko. Porém, há outras narrativas, sendo que em algumas delas o estabelecimento da aldeia se deu bem mais tarde, já no século 11.

Pessoas posando ao lado da placa / Crédito: Divulgação

 

Em um mapa datado de 1825, o nome da vila aparece com uma grafia diferente: Fuking, o que se distancia do significado profano da palavra atual.

Contudo, apesar do nome estranho, o vilarejo era relativamente desconhecido até o ano de 2011, quando o escritor austríaco Kurt Palm publicou o romance Bad Fucking, cuja história se passa no local. Mais tarde, o livro deu origem a uma produção cinematográfica, o que fez com que muitas pessoas ficassem intrigadas e passassem a visitar a aldeia.

Porém a enorme atenção não foi bem recebida pelos moradores locais. Muitos curiosos chegavam à localidade apenas para tirar fotos. Foi necessário reforçar a placa na qual estava escrito o nome da vila com concreto, após muitas terem sido roubadas.

A mudança 

Localizada a cerca de 345 quilômetros de Viena, o vilarejo sofreu com piadas por muito tempo. Assim, em novembro de 2020, uma reunião do conselho municipal decidiu pela mudança do nome, que viria a ocorrer em janeiro deste ano, o que de fato se concretizou.

Andrea Holzner, prefeita local / Crédito: Divulgação

 

Após confirmar que o local mudaria de nome, Andrea Holzner, a prefeita de Tarsdorf, município no qual a vila está localizada declarou: “Eu realmente não quero dizer mais nada. Já tivemos bastante frenesi na mídia sobre isso no passado.” As localidades próximas chamadas Oberfucking e Unterfucking, no entanto, deverão continuar com os mesmos nomes.


+Saiba mais sobre a Áustria a partir de grandes obras disponíveis na Amazon:

Breve Historia del Imperio Austrohungaro, de Carmen Moreno Minguez (2015) - https://amzn.to/2RIxN2K

O garoto que seguiu o pai para Auschwitz: Uma história real, Jeremy Dronfield (2019) - https://amzn.to/36E1aIP

O tatuador de Auschwitz: Baseado na história real de um amor que desafiou os horrores dos campos de concentração, Heather Morris (2018) - https://amzn.to/2q58M75

A Bibliotecária de Auschwitz, Antonio G. Iturbe, (2014) - https://amzn.to/2r14rlA

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W