Curiosidades » Entretenimento

A origem insólita de 5 contos de fadas

Da Pequena Sereia a Rapunzel: as verdadeiras histórias macabras dentro do universo infantil

Victória Gearini Publicado em 12/11/2019, às 18h10 - Atualizado às 19h30

Ilustração da Pequena Sereia
Ilustração da Pequena Sereia - Pixabay

5. A Pequena Sereia: suicídio

No conto original de Hans Christian Andersen, Ariel é uma jovem sereia que se apaixona por um príncipe humano. Para conquistá-lo, a menina faz um acordo com uma bruxa, que lhe dá um par de pernas em troca de sua bela voz. Por meses, ela tenta conquistar o coração do amado, que se casa com outra. Inconformada, Ariel tenta matá-lo, mas desiste do crime. Transtornada, a jovem se joga ao mar e vira uma espuma.

Crédito: Wikimedia Commons

 

4. A Bela Adormecida: estupro e assassinato

A versão mais antiga de A Bela Adormecida, do italiano Giambattista Basile foi escrita ainda no século 17. A personagem Tália espeta seu dedo em uma farpa de linho e adormece. Neste momento um príncipe aparece e a estupra, deixando a jovem grávida de gêmeos. Quando os bebês nascem, eles sem querer acabam sugando a farpa de seu dedo, retirando-a de seu sono profundo. Quando descobre, a esposa do príncipe tenta matar as crianças, mas é assassinada pelo marido. No fim, Bela Adormecida acaba se casando com seu agressor.

Crédito: Wikimedia Commons

 

3. Chapeuzinho Vermelho: canibalismo

Na versão original do conto do século 17, o lobo mau cozinha a carne da boa velhinha e coloca seu sangue em um jarro encontrada na despensa. Quando Chapeuzinho chega ao local, o lobo vestido de sua avó a convence a tirar suas roupas. Para se livrar da situação, a jovem inventa que precisa ir ao banheiro — embora o lobo tente a convencer de fazer suas necessidades na cama. Neste momento, Chapeuzinho consegue fugir.

Crédito: Wikimedia Commons

 

2. Branca de Neve: pedofilia e canibalismo

Na verdadeira história, a Rainha Má contrata um caçador para matar a jovem, que neste conto tem apenas 7 anos de idade. A soberana acredita que a princesa está morta e por isso come o coração de um animal que lhe foi entregue no lugar do órgão vital da criança. Além disso, o príncipe encantado — maior de idade — se casa com Branca de Neve e durante o casamento, a rainha é obrigada a dançar até a morte.

Crédito: Wikimedia Commons

 

1. Rapunzel: noites insólitas

[Colocar ALT]
Crédito: Wikimedia Commons

No conto original dos irmãos Grimm, do século 19, Rapunzel é mantida como refém de uma bruxa, no alto de uma torre. No entanto, quando vira adolescente, a jovem passa a receber visitas de seu vizinho — um príncipe. Com o passar do tempo, percebe que suas roupas começam a ficar apertadas. Pouco tempo depois a jovem dá a luz a gêmeos.  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


+Saiba mais sobre a verdadeira história destes contos:

1. Rapunzel: Um conto de fadas, de Jacob Grimm e Wilhelm Grimm (2010) - https://amzn.to/2QdtE6w

2. Branca de Neve, de irmãos Grimm (2012) - https://amzn.to/2KcVDiT

3. Chapeuzinho Vermelho. O Príncipe-Rã ou Henrique de Ferro - Coleção Contos de Grimm, de Heloisa Jahn (2012) - https://amzn.to/2KgsYK2

4. A bela e a adormecida, de Neil Gaiman (2015) - https://amzn.to/2CBB7nZ

5. A Pequena Sereia, de Hans Christian Andersen (2014) - https://amzn.to/34Wl0gS

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.