Curiosidades » Oriente Médio

Da tenda peculiar a paixões estranhas: 6 fatos bizarros sobre Muammar Kadhafi

Conheça algumas particularidades sobre o excêntrico tirano líbio

Isabela Barreiros Publicado em 24/05/2020, às 10h00

O ditador líbio Muammar Kadhafi
O ditador líbio Muammar Kadhafi - Getty Images

1. A misteriosa data de nascimento

Crédito: Getty Images

 

Muammar Kadhafi foi um dos mais sanguinários ditadores do século 20, responsável por mudanças radicais na geopolítica mundial e por diversos crimes contra seu próprio povo. No entanto, por mais importante que a figura seja, não se sabe exatamente quando Kadhafi nasceu.

Tudo o que é possível afirmar é que ele nasceu no começo dos anos 1940. A imprecisão acontece devido a uma tradição do clã do qual ele faz parte — os beduínos não registram os nascimentos das crianças do grupo.


2. O Livro Verde e a obrigatoriedade de sua leitura

Com sua drástica ascensão na Líbia, Kadhafi decidiu escrever um livro que reunisse todos os seus pensamentos sobre muitos assuntos, incluindo os problemas que ele dizia ver na democracia, no capitalismo e, principalmente, nas famílias do país. O mais bizarro, porém, é que os cidadãos eram obrigados a realizar tal leitura.

“A mulher é uma fêmea e o homem é um macho. De acordo com os ginecologistas, a mulher é menstruada ou está doente todos os meses, enquanto que o homem, sendo macho, não é menstruado e não está sujeito ao período mensal de hemorragia. (…) Quando o ciclo menstrual para é porque a mulher está grávida. Se ela está grávida, fica, devido à gravidez, doente durante cerca de um ano, o que significa que todas as suas atividades naturais ficam seriamente reduzidas até ela parir o seu bebê. (…) Como o homem não engravida não está sujeito às doenças que a mulher, sendo fêmea, sofre”, escreveu o ditador em seu livro.


3. A virgindade intocada de suas guarda-costas

Nos anos 1970, o tirano começou a se tornar cada vez mais excêntrico — e autoritário — em suas decisões. Uma delas foi particularmente bizarra: quando ele decidiu que suas guarda-costas deveriam ser virgens.

Apropriadas como amazonas árabes, essas mulheres mantinham a castidade e treinavam artes marciais, se comprometendo em proteger Kadhafi de qualquer perigo possível.


4. Estranhas paixões

Condoleezza Rice / Crédito: Getty Images

 

Quando a fortaleza de Muammar, localizada em Trípoli, capital da Líbia, foi invadida no dia 24 de agosto de 2011, rebeldes líbios conseguiram encontrar dentro da propriedade um álbum de fotos repleto de imagens de Condoleezza Rice, ex-Secretária de Estado dos Estados Unidos. Khadafi chegou a admitir durante uma entrevista no ano de 2007 que tinha certa admiração pela secretária americana. 

Além das fotografias, eles também encontraram outros itens curiosos. Um enorme pôster do ator estadunidense Jake Gyllenhaal no filme Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo estava dentro do palácio. Também foram descobertos arquivos de pornô gay.


5. Assassinato do diretor da Academia Militar da Líbia

Crédito: Getty Images

 

Depois de entrar na Universidade de Benghazi, na Líbia, Kadhafi também foi convidado a integrar a Academia Militar da Líbia. Nela, muitos dos instrutores eram britânicos e ele não escondia que não estava feliz com a situação, aprendendo poucas palavras em inglês e usando roupas beduínas durante os treinamentos.

Porém, mais radical que isso, o jovem que se tornaria ditador também não omitia que apenas tinha se juntado a tal organização com o intuito de derrubar o então governo. Tendo divergências políticas com o diretor da Academia, muitos registros britânicos alegavam que ele poderia ter assassinado o comandante.


6. A famosa tenda do ditador

Crédito: Wikimedia Commons

 

Sim, Kadhafi carregava sua tenda para qualquer lugar que ele fosse. Por possuir origens modestas, o ditador tinha costume de dormir em tendas no deserto com seu clã beduíno.

Quando ascendeu devido a sua posição na Líbia, passou a levar consigo uma enorme barraca que tinha quase o tamanho de um hotel e deveria ser carregada somente por meio de um avião. Todas as vezes que o ditador viajava para o exterior, dormia dentro dela.


+ Saiba mais sobre Muammar Kadhafi por meio das obras a seguir:

O Livro Verde: A Terceira Teoria Universal, Muammar al-Gaddafi (2012) - https://amzn.to/2Tu6NFA

Leadership Lessons Learned From Muammar Gaddafi (English Edition), Lisa Gibson (2013) - https://amzn.to/35ZDQUy

Gaddafi's Harem: The Story of a Young Woman and the Abuses of Power in Libya, Annick Cojean (2013) - https://amzn.to/2TnBSe9

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W