Curiosidades » Estados Unidos

Papagaio bilíngue: a cômica saga da ave que fugiu de casa e voltou falando espanhol

Durante quatro anos, o animal ficou desaparecido até quem em 2014 reencontrou o dono

Caio Tortamano Publicado em 29/02/2020, às 12h00 - Atualizado em 04/06/2021, às 10h10

Imagem ilustrativa de papagaio da mesma espécie de Nigel
Imagem ilustrativa de papagaio da mesma espécie de Nigel - Divulgação / Youtube / VIX Brasil

Em 2014, a cômica história de um papagaio cinza africano viralizou na imprensa internacional. 

Durante quatro anos, o dono do animal não teve notícias do amigo, após ele fugir do lar em 2010, nos Estados Unidos. 

Mais tarde, a história tomou um rumo completamente diferente. Ao se reencontrar com o dono, a ave que até então falava inglês, voltou para a casa sabendo falar espanhol. Logo, o dono estranhou e se perguntou como e quando o seu papagaio virou bilíngue.

A saga do papagaio cinza africano

A inteligência e capacidade dos papagaios de imitares a voz humana é impressionante e, muitas vezes, cômica. Não são poucos os exemplos de donos de papagaios que ensinam seus animais a falarem saudações, como "bom dia".

Porém, um caso peculiar ocorrido em Torrence, na Califórnia, chamou muita atenção da mídia quando sua história ficou conhecida. O papagaio Nigel, pertencente a um dono britânico, fugiu de casa em 2010.

Quatro anos depois, já sem muita esperança, seu dono, Darren Chick, se surpreendeu quando uma veterinária contactou ele afirmando que tinham encontrado o seu pássaro. A responsável pelo achado, Julissa Sperling, levou a ave para a veterinária Teresa Micco.

No primeiro momento, Micco acreditava se tratar de seu próprio papagaio, que também havia perdido. Porém, pouco tempo depois, ela percebeu que o alegre animal não era seu, e encontrou um chip que Chick havia instalado nele para que fosse identificado.

Quando se reencontraram, Nigel cumprimentou seu dono com um amistoso "¿Qué passa?" (como vai?, em espanhol) e "Soy de Panama" (sou do Panamá, também em espanhol).  Além disso, ele constantemente imitava o latido de um cachorro. Apesar da novidade linguística, Darren soube logo de cara que se tratava de seu bichinho. 

A novidade linguística

De acordo com o portal G1, o jornal “The Torrance Daily Breeze” divulgou que o animal foi cuidado por outra família durante os quatros anos em que esteve desaparecido.

Após descobrir que o papagaio havia sido encontrado pelo dono, Liza Smith enviou um e-mail para Darren, em que disse que o animal foi comprado pelos seus avós em uma venda de garagem por US$ 400. De acordo com a mulher, o papagaio tinha sido batizado de Morgan.

Segundo o portal G1, a ave teria fugido do novo lar, até que foi encontrado por Julissa Sperling. Ainda conforme o site, Ruben Hernandez, avô de Liza Smith, foi o responsável por ensinar o bicho a falar em espanhol.

Após o e-mail, Darren ficou sensibilizado com a amizade entre o papagaio e o idoso. Conforme o G1, em 2014, o rapaz devolveu o bicho ao senhor, que não conteve a emoção.


+Saiba mais sobre o reino animal por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Ocean: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2015) - https://amzn.to/31L941I

Animals: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2012) - https://amzn.to/33TNk6r

Life Lessons from the Heart of Horses: How Horses Teach Us About Relationships and Healing, de Kathy Pike (2021) - https://amzn.to/31JdYMA

Animal Kingdom: A Collection of Portraits, de Randal Ford (2018) - https://amzn.to/33QdKWN

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W