Curiosidades » Personagem

Virginia Vallejo, a amante que conheceu o mundo sombrio de Pablo Escobar

Em sua obra "Amando Pablo, odiando Escobar" ela afirmou que o narcofraficante era ruim de cama

Victória Gearini Publicado em 11/01/2020, às 18h00

Obra "Amando Pablo, odiando Escobar", de Virginia Vallejo
Obra "Amando Pablo, odiando Escobar", de Virginia Vallejo - Divulgação / Globo Livros

Assassinado no dia 2 de dezembro de 1993, aos 44 anos de idade, Pablo Escobar foi um dos personagens mais emblemáticos da História. Mesmo anos após sua morte, continua envolvido em polêmicas, entre elas com sua ex-amante Virginia Vallejo García, que lançou um livro contando fatos inéditos da vida pessoal do narcotraficante.

A jornalista colombiana Virginia Vallejo García conheceu Pablo Escobar em 1982, durante uma viagem que fez a Nápoles, junto de seu até então namorado Aníbal Turbay. Na época, trabalhava como modelo e apresentava um dos programas de TV de maior prestígio na mídia colombiana.

Lançada em 2017, sua obra Amando Pablo, odiando Escobar, revelou fatos inéditos e nunca ditos antes. A jornalista conta que não se interessou por Escobar logo de primeira, mas após algumas investidas, cedeu aos seus encantos.

Pablo Escobar / Crédito: Getty Images

 

Embora tenha vivido um relacionamento extraconjugal, Virginia não gosta de ser associada a amante. Em entrevistas, alegou ter vivido um romance conturbado, mas recebia muito dinheiro para fazer viagens e compras internacionais. Certa vez, foi presenteada com um relógio de diamantes da marca Cartier.

Logo, o romance se transformou em uma história de horror e vingança. Segundo Vallejo, no final de seu relacionamento ela vivia com medo, pois sofria ameaças se cogitasse o deixar. Em sua obra, conta ainda que Escobar não era bom de cama e não a satisfazia sexualmente, fato que o amante tinha medo de ser descoberto pela sociedade.

Crédito: Globo Livros

 

Anos após a morte de Escobar, ela depôs como testemunha do assassinato do presidente Luis Carlos Galán e de outras 100 pessoas. Virginia Vallejo foi retirada da Colômbia pelo o avião da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas dos Estados Unidos, em julho de 2006. Desde então, vive em exílio político em Miami, nos Estados Unidos, e dedica-se ao seu livro e entrevistas.


+Saiba mais sobre esta e outras obras de Virginia Vallejo:

1. Amando Pablo, odiando Escobar, de Virginia Vallejo (2017) - https://amzn.to/37VEWlK

2. Amando A Pablo, Odiando A Escobar, de Virginia Vallejo (2013) - https://amzn.to/39XVITa

3. Ich liebte Pablo und hasste Escobar: Ein Gangster, eine Diva und die wahre Geschichte einer unmöglichen Liebe (Edição Alemã), de Virginia Vallejo (2017) - https://amzn.to/2RbgLZU

4. Loving Pablo, Hating Escobar: The Shocking True Story of the Notorious Drug Lord from the Woman Who Knew Him Best (Edição Inglês), de Virginia Vallejo (2018) - https://amzn.to/35IHTVb

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.