Curiosidades » Guerra Fria

Impedido de visitar a Disney: a turbulenta visita do comunista Nikita Kruschev aos EUA

A visita do primeiro-ministro da União Soviética foi marcada de tensões políticas e em Hollywood — envolvendo até o elenco de Can Can (1960)

Victória Gearini Publicado em 28/11/2020, às 12h00

Nikita Kruschev, primeiro-ministro da União Soviética
Nikita Kruschev, primeiro-ministro da União Soviética - Wikimedia Commons

Em 1959, durante a Guerra Fria, o primeiro-ministro da União Soviética, Nikita Kruschev, foi impedido de visitar a Disneylândia. Sua estádia em Los Angeles foi marcada, ainda, por tensão e conflito com o chefe de estúdio anticomunista, Spyros Skouras, como descreveu o premiê em seus escritos pessoais.

A inusitada visita à Hollywood

No dia 15 de setembro de 1959, o líder soviético Nikita Kruschev viajou aos Estados Unidos para realizar uma reunião de cúpula com o até então presidente Dwight D. Eisenhower. Ao chegar no país estadunidense, o comunista aproveitou para visitar Hollywood.

Para realizar o desejo do soviético, logo agendaram uma visita aos estúdios hollywoodianos e, quatro dias após sua chegada, Kruschev e sua mulher desembarcaram em Los Angeles. O que parecia ser um dia comum, logo transformou-se em um episódio marcado por tensões.

Nikita Kruschev ao lado de Shirley MacLaine / Crédito: Divulgação / Youtube / British Movietone

 

Naquela manhã, Kruschev visitou os estúdios da Twentieth Century Fox Studios. Mais tarde, conheceu à cabine de som que gravava a trilha sonora do filme Can Can, de Cole Porter. Devido a presença inusitada do premiê, imediatamente, o elenco do filme o cercou. A estrela Shirley MacLaine, por sua vez, o saudou com um russo improvisado.

Em seguida, o líder soviético teria sido convidado para dançar uma das músicas presentes no filme. No entanto, Kruschev teria recusado, o convite. Mais tarde, Frank Sinatrateria sido designado como "mestre de cerimônias", levando o casal russo para um almoço. 

Entretanto, após conhecer o elenco e a produção do filme, Kruschev declarou aos jornais que teria ficado escandalizado com as cenas que teria presenciado. Além disso, utilizou o episódio para uso propagandístico, se referindo a cultura americana, como "depravada" e "pornográfica". 

Impedido de visitar a Disney

A situação piorou quando o presidente da Fox, Spyros Skouras, apresentou ao líder soviético, o Los Angeles Town Hall, conhecido por intensos debates públicos. Na ocasião,  Skouras, fervoroso anticomunista, confrontou os ideais socialistas de Kruschev

Shirley MacLaine apresentando elenco do filme para Nikita Kruschev / Crédito: Divulgação / Youtube / British Movietone

 

Bastou pouco tempo para que o soviético se irritasse e explodisse. Sob acusações de querer importuná-lo, o premiê disse, ainda, que o plano de Skouras era alfineta-lo, sobre o poderio norte-americano 

Após a discussão uma nova bomba: Kruschev foi impedido de conhecer a Disneylândia. Na época, as autoridades temiam que a sua visita aos parques pudessem pôr em risco a sua segurança pessoal. Enfurecido com ocorrido, na manhã seguinte, o premiê deixou Los Angeles.

Contudo, sem qualquer incidente e conflito adicional, o soviético prosseguiu com sua viagem pela Califórnia. Mais tarde, retornou à Washington para realizar a reunião com o presidente Dwight Eisenhower.


+Saiba mais sobre a Guerra Fria por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Da Guerra Fria à nova ordem mundial, de Ricardo de Moura Faria e Mônica Liz Miranda (2003) - https://amzn.to/3bXDodp

Os últimos soldados da guerra fria, de Fernando Morais (2011) - https://amzn.to/2SrHMtw

Como Começou A Guerra Fria, de Amy Knight (2008) - https://amzn.to/3dbB2aL

A desordem mundial, de Luiz Alberto Moniz Bandeira (2016) - https://amzn.to/3bWLH9k

A Questão Negra: A Fundação Ford E A Guerra Fria, de Wanderson Da Silva Chaves (2019) - https://amzn.to/2yZENBt

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W