Curiosidades » Entretenimento

Entenda como a obra A Noite dos Mortos-Vivos inovou culturalmente

Lançado pela Editora DarkSide, livro baseado no clássico dos anos 60 critica a sociedade da era da Guerra do Vietnã

Victória Gearini Publicado em 18/11/2019, às 16h00 - Atualizado às 16h30

Night of the Living Dead, de 1968
Night of the Living Dead, de 1968 - Getty Images

Clássico do cinema, A Noite dos Mortos-Vivos foi lançado originalmente em 1968 e dirigido pelo cineasta George Romero. A trama em preto e branco conta a história de Ben e Barbra, sobreviventes de um apocalipse zumbi. A obra é uma crítica à sociedade na época da Guerra do Vietnã e foi um marco que transformou técnicas cinematográficas.

Pioneiro do subgênero de terror de apocalipse zumbi, o filme influenciou na cultura popular por conta de suas técnicas inovadoras e criticas sociais, e foi catalogado ao Registro Nacional de Filmes pela Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos em 1999.

[Colocar ALT]
Crédito: DarkSide 

Na época em que foi registrado neste arquivo, A Noite dos Mortos-Vivos foi classificada ainda por críticos como um filme historicamente e culturalmente importante para a sociedade. Devido ao enorme sucesso, a obra ganhou diversas readaptações, dentre elas um livro.

Para comemorar os 50 anos, desde a primeira exibição, a Editora DarkSide lançou o livro em um formato alternativo. Baseado no clássico do cinema, o autor John Russo promete detalhar os acontecimentos vividos pelos protagonistas, de modo que faça o leitor sentir-se inserido ao cenário narrado.

A obra é uma adaptação de duas histórias de George Romero e do roteirista John Russo: A Noite dos Mortos Vivos e sua sequência, a Volta dos Mortos-Vivos, sendo essa uma versão inédita. Esta edição comemorativa tem capa dura e ilustrações feitas por Danilo Beyruth.

“Sempre nos referimos a A Noite dos Mortos Vivos como o Cálice Sagrado dos filmes de zumbi. Regras como ‘Você deve atirar na cabeça para matá-los’ não existiam antes de 1969. Agora é parte da cultura pop. Então devemos muito à visão de Romero e de Russo e ao mundo que eles criaram. O filme foi uma espécie de farol para o episódio piloto da série The Walking Dead”, afirmou Greg Nicotero, o maquiador da série.


Saiba mais sobre esta e outras obras de terror:

1. A Noite dos Mortos-Vivos, de John Russo (2018) - https://amzn.to/2pyn1kw

2. Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, de Gerald Brittle (2016) - https://amzn.to/2JD3dDk

3. Objetos Sobrenaturais, de Stacey Graham (2019) - https://amzn.to/3497S8t 

4. Exorcismo: A história real que inspirou o clássico o exorcista, de homas B. Allen (2016) - https://amzn.to/2qsLxno

5. 1977 - Enfield: Real e sobrenatural, de Guy Lyon Playfair (2017) - https://amzn.to/2puCORn

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.