Curiosidades » Cultura

Manifestações e luta: Entenda como surgiu a bandeira LGBTQIA+ e o significado de suas cores

Desde o final da década de 1970, a bandeira do arco-íris se tornou símbolo da comunidade

Penélope Coelho Publicado em 30/06/2021, às 10h41

Parada do Orgulho realizada em Barcelona, no ano de 2015
Parada do Orgulho realizada em Barcelona, no ano de 2015 - Getty Images

Mundialmente, o mês de junho é conhecido pela celebração do orgulho da comunidade LGBTQIA+. A comemoração em homenagem a Rebelião de Stonewall, marca a importância de reflexão sobre direitos, respeito e igualdade.

Sabe-se que na época das manifestações, em 1969, a comunidade LGBTQIA+ ainda não era representada pela famosa bandeira do arco-íris.

A bandeira, que atualmente é símbolo do movimento que representa igualdade e orgulho para gays, lésbicas, bissexuais, pansexuais, transexuais e mais, só surgiu alguns anos depois, no final da década de 1970 e além de representar a comunidade, também carrega uma história importante.

Bandeira do arco-íris na Parada do Orgulho de Nova York, em 2014 / Crédito: Getty Images 

 

O surgimento 

A colorida bandeira do arco-íris foi criada pelo artista e ativista estadunidense Gilbert Baker.

Na década de 1970, Baker se uniu aos outros ativistas da comunidade LGBTQIA+, que pediam por direitos civis e igualdade, em São Francisco, na Califórnia, local que se tornou um dos centros da luta na época.

Nesse período, o artista nascido no Kansas, passou a estilizar algumas peças para as passeatas, além de produzir cartazes especiais para as manifestações.

Fotografia de Gilbert Baker, criador da bandeira LGBTQIA+, no ano de 2016 / Crédito: Getty Images 

 

No final daquela década, um pouco antes da Parada do Orgulho de São Francisco, Gibert conheceu Harvey Milk, primeiro representante político eleito assumidamente gay. Na ocasião, o artista recebeu uma missão especial do governante, que pediu para que Baker confeccionasse uma imagem que pudesse representar a comunidade e se tornar um símbolo durante as manifestações.

Foi assim que o norte-americano iniciou um esboço do que viria a se tornar o símbolo que hoje representa a comunidade LGBTQIA+ ao redor do mundo.

Com o auxílio de retalhos de tecidos coloridos, Gilbert relata que se inspirou no céu ao criar a bandeira do arco-íris, que na época contava com uma cor a mais, o rosa.

No ano de 1978, o artista viu sua criação se tornar popular por um motivo triste. Em novembro daquele ano, Harvey foi assassinado. Sua morte, entretanto, gerou diversos protestos, que popularizam o uso da bandeira colorida nas ruas.

Depois do sucesso, o símbolo passou a ser comercializado, dessa vez sem o rosa, devido à falta de tecidos dessa cor nas fábricas na época.

Simbologia das cores 

Sabe-se que a versão atual da bandeira como conhecemos hoje possui seis cores, cada uma em uma barra horizontal: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul e violeta. As cores escolhidas têm um significado simbólico.

Cores da bandeira LBGTQIA+ pintada na mão de uma manifestante durante protesto em Los Angeles, Estados Unidos, em 2016 / Crédito: Getty Images 

 

Na primeira versão, o rosa representava a sexualidade, seguido pelo vermelho que continua na bandeira e representa a vida; já a cor laranja indica a cura; enquanto o amarelo sinaliza a luz do sol; o verde representa a natureza; o turquesa a mágica; e por fim, o violeta representa o espírito humano.


++Saiba mais sobre o tema através das obras disponíveis na Amazon:

Reconhecimento dos Direitos Humanos LGBT. De Stonewall à Onu, de Patrícia Gorisch (2014) - https://amzn.to/2A4gmng

Stonewall: The Definitive Story of the LGBT Rights Uprising that Changed America (Edição Inglês), de Martin B. Duberman (2019) - https://amzn.to/2NtC5YW

Stonewall Onde O Orgulho Começou (DVD) - https://amzn.to/3dB1Kti

Stonewall: The Riots That Sparked the Gay Revolution (Edição Inglês), de David Carter (2010) - https://amzn.to/31jPjiZ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W