Curiosidades » Elon Musk

O ano em que as empresas de Elon Musk por pouco não faliram

Em 2018, o atual homem mais rico do mundo revelou um dado surpreendente sobre a SpaceX e Tesla

Redação Publicado em 04/05/2022, às 16h03

Elon Musk, atual homem mais rico do mundo
Elon Musk, atual homem mais rico do mundo - Getty Images

Duas das empresas mais rentáveis da atualidade por pouco não faliram no passado. Em 2018, Elon Musk revelou que a SpaceX, focada em tecnologia aeroespacial, e a Tesla, inserida no ramo de carros elétricos, viveram um momento difícil pouco tempo atrás. 

Na época, o atual homem mais rico do mundo disse numa conferência no Texas, EUA, que as empresas hoje referência no mercado quase faliram no ano de 2008.

"Eu previ tanto para a SpaceX quanto para a Tesla uma probabilidade de menos de 10% de sucesso", disse o empresário, que até mesmo revelou que impedia os amigos de investirem nas companhias. "No começo de 2002, eu não deixava meus amigos investirem nelas, pois não queria perder o dinheiro deles". 

Cenário desfavorável

Conforme repercutido pela BBC em 2018, Elon Musk explicou que tinha 180 milhões de dólares quando o PayPal, uma das companhias que teve o bilionário como fundador, foi comprado através do Ebay no ano de 2012.

Naquela época, Musk optou por investir 90 milhões de dólares na SpaceX e Tesla no início, contudo, o cenário pareceu desfavorável: os custos só aumentavam.

Elon Musk /Crédito: Getty Images

Como lembrou Elon Musk, 2008 representou um momento turbulento em sua carreira. Afinal, o plano que visava o lançamento do Falcon 1, foguete da SpaceX, falhou numa terceira tentativa. Além disso, a Tesla estava à beira da falência quando faltavam dois dias para o Natal. 

Encurralado

Como consequência, o atual homem mais rico do mundo contava com um total de 40 milhões de dólares para investir. Assim, Elon se viu encurralado, afinal, qualquer decisão tomada poderia ser decisiva. 

Eu podia colocar todo esse montante numa empresa, e a outra iria definitivamente morrer, ou eu poderia colocar metade na SpaceX e a outra na Tesla. Neste caso, as duas poderiam morrer", relembrou ele em 2018.

No entanto, Elon seguiu o coração e optou por aplicar o dinheiro nas duas companhias.

"Quando você põe a sua energia na construção de algo, é como se fosse seu filho, então eu não conseguia escolher. Apliquei o dinheiro nas duas e, graças a Deus, ambas sobreviveram", disse ele.

Dinheiro emprestado

A época também coincidiu com o divórcio do bilionário. Com a falta de dinheiro, ele disse que precisou de dinheiro emprestado de amigos para conseguir pagar o aluguel. 

"A SpaceX sobreviveu por pouco, assim como a Tesla, e se qualquer coisa tivesse acontecido de maneira diferentes, as duas poderiam estar mortas hoje", enfatizou Musk.