Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Curiosidades / Entretenimento

O homem que encontrou Rúben Aguirre no Brasil em 1999: 'Cara, é o professor Girafales'

O intérprete do saudoso "Professor Linguiça" no seriado mexicano fez uma visita ao interior de Mato Grosso do Sul

Wallacy Ferrari Publicado em 23/05/2022, às 19h42

Ruben no Brasil - Divulgação / Redes sociais
Ruben no Brasil - Divulgação / Redes sociais

O seriado 'Chaves' marcou a televisão latino-americana ao colocar, em uma vila socioeconomicamente pobre, uma série de personagens cativantes, lotados de carisma em situações cotidianas. Um deles, no entanto, chama atenção por ser um condutor soberano na educação das crianças do cortiço.

O quimérico Professor Girafales, que tenta ensinar preceitos da educação básica ao longo dos episódios, conflita com o espírito zombeteiro da turma, que ousa em encontrar trocadilhos e provocações em meio as explicações. Com pouca paciência, ainda popularizou o bordão “Tá, tá, tá, tá!” ao se revoltar com uma situação.

Nas cenas fora da classe, ainda nutre um relacionamento com a mãe de um de seus alunos; Dona Florinda é responsável por convidá-lo para tomar xícaras de café e ainda aproveita de seus conhecimentos para resoluções domésticas, como instalar uma máquina de lavar ou ensinar Kiko a tocar violão.

Professor Girafales caracterizado no seriado 'Chaves' / Crédito: Divulgação / Televisa

Tietado no Brasil

O personagem interpretado por Ruben Aguirre teve sua última aparição no programa Chespirito em 1992 no episódio 'Aulas de Inglês', nunca mais sendo incorporado em outros seriados ou produções pelo autor. Mesmo assim, sete anos depois, um grupo de brasileiros que assistiam a versão do seriado em português reconheceu o ator em uma obscura passagem ao Brasil.

Na pequena e interiorana cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul, um gerente de recepção de uma fazenda identificado como Cícero Freitas Batista reconheceu o artista, que queria fazer um passeio flutuação, com trajes bem diferentes que no seriado. Em 1999, o terno fora substituído por uma bermuda, camisa florida e meiões, longe de qualquer caracterização.

Tava marcado um turista com nome de Rubens para fazer o passeio flutuação, acho que às 9h. Aí chegou um carro modelo Ômega da cor branca, desceu um homem grande, de bermuda, meia preta alta, sapato preto e camiseta. Levei um susto”, revelou Cícero à emissora local TV Morena, conforme repercutido pelo Na Telinha em janeiro deste ano. 

O gerente ainda acrescentou que Ruben não apenas não se incomodou com a visita às escuras; tirou fotos com funcionários, deu autógrafos e agradeceu o passeio.

"Foi muito marcante, pois sempre via o Chaves, que era o programa da época. Aí ver o Professor Girafales cara a cara, muito alegria e emoção, porque eu não estava esperando ele, nem imaginava conhecer ele um dia", completou.