Curiosidades » Cultura

Qual é a origem da palavra pique?

Diferentes significados surgiram a partir de um passarinho que irritava os romanos

Lucas Vasconcellos Publicado em 12/12/2018, às 13h00

O termo surgiu a partir do pica-pau
Getty Images

O que uma arma medieval, os cumes das montanhas, o prato tradicional de quintafeira, a celebração de aniversário e um grande esforço físico têm em comum? Todos têm a mesma origem: o pica-pau.

Picus era como os romanos o chamavam. O que daria origem ao latim vulgar piccare: “picar” mesmo, no sentido de “furar”, como um mosquito (e ao picadinho de quinta). Daí ele passaria também a designar coisas pontudas – como os picos das montanhas. E, na Idade Média, uma coisa pontuda em particular: o pique, uma lança com até 7,5 metros.

Do pica-pau romano também viria o “picar a mula” – picar com a espora, fazê-la correr, ir embora. E o “dar um pique”, a esporada que “incentivava” os bichos a fazer um esforço extra.

Quer dizer que o verso de Parabéns a Você é uma incitação à violência? Não: esse pique tem origem diferente, na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, em São Paulo. Nos anos 1930, um certo Ubirajara Martins carregava o apelido de Pic por andar pelo campus com uma tesourinha para aparar o bigode.

Os colegas inventaram uma musiquinha para ele – “É o Pic, é o Pic, é o Pic”, entoada nos bares. O trecho acabou incorporado às celebrações de aniversário dos estudantes, mesclado ao Parabéns a Você, que estreou em 1942. E, daí, se espalhou para o resto do Brasil.