Curiosidades » Egito Antigo

Os curiosos restos mortais da rainha Nefertari, esposa de Ramsés II

Conhecida pela sua beleza exuberante, arqueólogos se depararam apenas com algumas intrigantes partes da importante figura do Egito Antigo.

Victória Gearini Publicado em 22/07/2020, às 07h23

Rainha Nefertari, esposa de Ramsés II
Rainha Nefertari, esposa de Ramsés II - Wikimedia Commons

Em 1904, o luxuoso túmulo da rainha Nefertari foi encontrado por arqueólogos. Com aproximadamente 520 metros quadrados, o local abrigava os curiosos restos mortais de uma das maiores soberanas do Egito Antigo.

A rainha Nefertari

Ao lado de seu marido, o faraó Ramsés II, Nefertari é conhecida na História como uma das rainhas mais poderosas do Egito Antigo durante o século 13 a.C. Dona de uma beleza exuberante e inteligência esplêndida, a soberana foi responsável por escrever diversos hieróglifos, além de ter participado ativamente na política egípcia. 

Templo da rainha Nefertari / Crédito: Wikimedia Commons

 

A descoberta

No início do século 20, arqueólogos ficaram surpresos quando descobriram o templo da rainha Nefertari. Entretanto, ao abrirem a sua tumba, não encontraram o corpo. O único membro que havia no local era um par de joelhos mumificados. Já em 2016, por meio de pesquisas feitas em análises químicas, de raios-X e de datações de carbono, os egiptólogos constaram que os joelhos pertenciam à uma mulher de cerca de 40 anos.

Par de joelhos da rainha Nefertari / Crédito: Divulgação / Habicht et al

 

Além disso, a pesquisa confirmou que o membro foi mumificado a partir de rituais geralmente utilizados pela realeza do Egito Antigo. Segundo os arqueólogos, a rainha foi enterrada junto com as suas jóias, que foram colocadas ao redor da sua cabeça e de seus braços. Tal fato contribuiu para que a múmia fosse deteriorada durante o processos dos saques. 

Após análises minuciosas da tíbia, os pesquisadores constataram que a múmia sofreu diversas fraturas depois de morta. Além disso, os cientistas descobriram que Nefertari tinha em torno de 1,65 de altura, sendo 9 centímetros mais alta do que a média das mulheres egípcias. 


+Saiba mais sobre o Egito Antigo por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

História do Egito Antigo, de Nicolas Grimal (2012) - https://amzn.to/3b5bJ9S

As Dinastias do Antigo Egito, de Charles River Editors (2019) - https://amzn.to/39ZSY6j

A Serpente Cósmica: A Sabedoria Iniciática Do Antigo Egito Revelada, de John Anthony West (2009) - https://amzn.to/2RtbzBo

Egito Antigo, de Stewart Ross (2005) - https://amzn.to/2K8tuJL

Como seria sua vida no Antigo Egito?, de Jacqueline Morley (2019) - https://amzn.to/2xkwTlL

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W