Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Curiosidades / Entretenimento

Pantanal: Como terminou o casal Juma e Jove na versão original?

O final surpreendente dos personagens, culturalmente opostos, marcou a transmissão de 1990 pela Rede Manchete

Wallacy Ferrari Publicado em 26/05/2022, às 17h10

Juma e Joventino nas duas versões de 'Pantanal' - Divulgação / Bloch / TV Globo
Juma e Joventino nas duas versões de 'Pantanal' - Divulgação / Bloch / TV Globo

Liderando com folga a audiência no horário nobre da TV Globo, o remake de 'Pantanal', transmitido na faixa de novelas das 21h da emissora, não apenas chama atenção dos espectadores pela reprodução fiel da obra original com muita tecnologia, mas também por prender a atenção dos mais novos, que não acompanharam a versão da Rede Manchete no início dos anos 90.

A prova de tal sucesso foi mensurada na última atualização dos dados de audiência do Kantar Ibope para o PNT (Painel Nacional de Televisão), divulgados na última terça-feira, 24; o pico de audiência da nova produção se deu no episódio onde Madeleine sofre um acidente fatal de avião, assistido por aproximadamente 32 milhões de pessoas ao longo do capítulo.

Contudo, ainda mais surpreendente é a estimativa semanal, medida entre os dias 16 e 22 de maio. Ao longo dos seis capítulos veiculados naquela semana, 77 milhões de indivíduos sintonizaram a emissora carioca para acompanhar o remake. Com tanta atenção para a nova produção, qual seria o destino dos principais protagonistas?

Personagens 'Juma' e 'Jove' em cena de 'Pantanal' / Crédito: Divulgação / Bloch

O final de Juma e Jove

No roteiro original de Benedito Ruy Barbosa, usado na transmissão de 1990, o casal marcado pelas diferenças socioculturais, principalmente pelo período onde o rapaz se afastou da vida rural, consegue se unir apesar dos entrelaços do rapaz com Guta e também em conflitos com o pai, José Leôncio.

A parte mais notória entre os “finais felizes” da trama se deu para Jove e o par romântico com Juma Marruá, que se unem em definitivo numa cerimônia de casamento, concretizando a união oficialmente.

Ainda no episódio final, que realiza um pulo temporal na vida dos pantaneiros, é apresentada uma cena do casal no futuro junto de uma filha.

Curiosamente, a filha de Jove e Juma na versão original, que só aparece na reta final da trama, é interpretada por uma atriz que seria nacionalmente conhecida décadas depois: a personagem Maria Marruá Leôncio era personificada pela pequena Leandra Leal, cuja mãe, Ângela Leal, também participou de ‘Pantanal’.