Curiosidades » Família real britânica

Qual lugar Lilibet Diana ocupa na linha de sucessão ao trono?

Entenda se um dia a filha recém-nascida de Harry e Meghan poderá ser rainha da Inglaterra

Alana Sousa Publicado em 08/06/2021, às 15h30

Harry, Meghan e Archie em fotografia compartilhada no Instagram
Harry, Meghan e Archie em fotografia compartilhada no Instagram - Divulgação/Instagram/@dukeandduchessofcambridge

No último dia 4 de junho o mundo recebeu a notícia do nascimento da filha do príncipe Harry e Meghan Markle, a segunda criança do casal, mas a primeira menina. Lilibet "Lili" Diana Mountbatten-Windsor, batizada em homenagem à avó, a princesa de Gales, e a bisavó, Elizabeth II, já é alvo de muitas especulações.

A primeira delas foi em torno do nome que recebeu. A homenagem feita para a mãe de Harry, Lady Di, que morreu em um acidente de carro em agosto de 1997, de certa forma era esperada. O Duque de Sussex sempre se lembra da falecida Princesa do Povo em suas entrevistas, então, era possível que ele utilizasse a oportunidade para fazer um gesto memorável.

Quanto ao apelido da soberana Elizabeth II, Lilibet, pegou todos de surpresa. Ainda que tenha sido recebido com bastante carinho, não foi possível ignorar as recentes acusações que Harry havia feito contra a família real britânica, as quais o afastaram de vez da monarquia inglesa.

 

Assim, ao anunciar o nome da filha, muitos especularam se a notícia seria bem recebida pela monarca. Fontes próximas aos membros reais rapidamente revelaram que Harry “ligou para a rainha Elizabeth II antes da esposa dele, Meghan Markle, dar à luz”.

A conta oficial da família real se pronunciou pelas redes sociais parabenizando o casal pelo nascimento de Lili Diana, enfatizando que a rainha está “maravilhada” com a chegada da bisneta.

No entanto, muito além da polêmica do nome, muitos se perguntam qual posição a pequena irá assumir na linha de sucessão ao trono britânico. Entenda a nova ordem, após o nascimento da menina.

Lili Diana será rainha?

Sabe-se que Charles é o próximo a sentar-se no trono. Após a morte ou renúncia de Elizabeth, seu primogênito se tornará rei. O príncipe de Gales, todavia, não ficará tanto tempo no poder como sua mãe, visto que a monarca foi coroada ainda bem jovem, e Charles já está com 72 anos.

Imagem do príncipe William e sua família / Crédito: Divulgação/Kensington Palace

 

O próximo na lista é o primogênito de Charles, William. Seguindo a tradição, o poder ainda terá que passar por seus filhos: George, 7 anos, Charlotte, 5 anos, e Louis, de 3 anos. Apenas após todos da família do Duque de Cambridge, que chegaria a vez do pai de Lili Diana, Harry.

Mesmo com sua saída repentina da família real, no início de 2020, Harry continua tendo direito à coroa. Apesar de a notícia ser um alívio para os admiradores do filho mais novo de Diana, seria bem improvável que o príncipe se tornasse, de fato, rei.

Como sexto na linha de sucessão, apenas uma tragédia que tirasse a vida de William e com o adendo de que seus filhos fossem menores de 18 anos, que Harry assumiria o posto mais alto da Inglaterra.

Rainha Elizabeth II, príncipe Charles, príncipe William e príncipe George / Crédito: Divulgação/Instagram/Ranald Mackechnie

 

Em seguida, está Archie, filho de Harry e Meghan, que hoje está com dois anos. Somente então que Lili Diana teria direito de reclamar o trono, quando todos já tivessem passado pelo cargo de monarca.

Ainda que isso seja bastante discutido e tema de curiosidade, é possível que nem Harry e nem seus filhos tenham interesse de assumir qualquer posto na monarquia da Inglaterra. Após anos de sofrimento, o Duque de Sussex e Markle optaram por uma vida mais tranquila e agora residem nos Estados Unidos.


+Saiba mais sobre a família real britânica por meio de obras disponíveis na Amazon:

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

O Amor Da Princesa Diana, de Anna Pasternack (2018) - https://amzn.to/2xOZ8c9

A história do século XX, de Martin Gilbert (2017) - https://amzn.to/2yFZMcv

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7