Curiosidades » Personagem

De dois aniversários a ausência de passaporte: 5 vantagens que a rainha Elizabeth II possui

Há quase sete décadas no poder, a monarca tem privilégios supremos que mais ninguém poderia ter

Daniela Bazi Publicado em 23/10/2020, às 08h00

Elizabeth II em foto oficial de sua cerimônia de coroação
Elizabeth II em foto oficial de sua cerimônia de coroação - Wikimedia Commons

Há 68 anos no trono britânico, a rainha Elizabeth já entrou para a história como a monarca mais longeva do mundo. Sendo uma das mulheres mais influentes do mundo atual, a soberana contém alguns privilégios que os plebeus, provavelmente, sempre sonharam; mas nunca poderão ter. 

Conheça 5 privilégios que a rainha Elizabeth II possui.

1. Carteira de motorista

No Reino Unido, na lista de direitos e poderes que são exclusivos aos reis e rainhas, está o fato de que eles nunca precisam fazer um teste de direção e que seus carros podem andar livremente pelas ruas sem placa. A exceção a torna a única pessoa, em toda a nação, autorizada a cometer esse ato. 

A monarca, no entanto, aprendeu a dirigir e chegou a tirar sua carteira enquanto ainda era princesa, aos 19 anos, em um centro de treinamento durante seu trabalho de mecânica e motorista no Serviço Territorial Auxiliar Feminino na Segunda Guerra Mundial. 


2. Dois aniversários

Assim como seus antecessores, Elizabeth também comemora seu aniversário duas vezes ao ano. A verdadeira data em que a soberana nasceu é 21 de abril de 1926. Nesse dia, ocorrem apenas celebrações particulares entre os familiares mais próximos e três saudações de armas feitas na Torre de Londres, em Hyde Park e em Windsor Great Park.

Rainha Elizabeth II durante o evento Trooping the Colour / Crédito: Getty Images

 

Já a cerimônia oficial ocorre sempre no segundo sábado do mês de junho, com um evento grandioso e cheio de luxo chamado de Trooping the Colour. A data foi escolhida por ter uma probabilidade maior de estar um tempo bom para as celebrações ao ar livre. A data tornou-se feriado nacional em todos os países da Commonwealth. 


3. Não precisa de passaporte

Em toda sua vida, a soberana já esteve em, pelo menos, 120 países, viajando mais de 1.032.513 milhas, segundo dados divulgados pelo jornal britânico The Telegraph. Sua jornada mais longa teria acontecido em 1953, em uma excursão à Commonwealth, onde teria carregado cerca de 12 bagagens. 

Todavia, enquanto ia para todos esses lugares Elizabeth nunca precisou utilizar um passaporte. Isso acontece porque o documento é emitido de forma oficial em nome da rainha, tornando-se desnecessário que a própria tenha um.


4. Nunca precisa usar seu sobrenome

O nome completo da rainha é Elizabeth Alexandra Mary Windsor. Seus nomes do meio foram dados em homenagem a sua bisavó, a rainha Alexandra, e a sua avó, a rainha Mary, mãe de seu pai, o rei George VI. Durante a Primeira Guerra Mundial, a família real britânica mudou seu nome de Saxe-Coburg e Gotha para Windsor devido ao grande sentimento anti-alemão existente na época

Elizabeth e Philip no dia de seu casamento / Crédito: Wikimedia Commons

 

Em 1960, Elizabeth e Philip trocaram novamente o sobrenome oficial. Dessa vez, seus descendentes homens que não tivessem títulos serão chamados de Windsor-Mountbatten. Porém, mesmo com diversas mudanças e significados, a monarca nunca precisou usá-los pelo fato de todos saberem quem ela é. Em sua assinatura, utiliza apenas Elizabeth R., com o R. fazendo referência a palavra Regina, que significa rainha em latim.


5. Ela criou sua própria raça de cães

Desde jovem a rainha tem um grande amor por cães, especialmente da raça corgi. Seu primeiro animal, inclusive, foi Dookie, um corgi de Pembroke Welsh que permaneceu com a soberana por muitos anos. Susan, sua segunda cachorrinha, foi a responsável para o início da reprodução de todos os bichinhos dessa raça que já moraram nos palácios reais. 

Atualmente, a monarca possui Candy e Vulcan, que são dois cachorros da raça dorgi, criada por ela mesma. Eles são fruto do cruzamento de um de seus corgis com Pipkin, um Dachshund, que pertencia a sua irmã mais nova, a princesa Margaret. Em seu reinado, Elizabeth já teve, pelo menos, 30 animais.


+Saiba mais sobre a rainha Elizabeth II com as obras disponíveis na Amazon:

A Real Elizabeth, Andrew Marr (2012) - https://amzn.to/2I62WYs

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II, Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2PxUxAW

Queen Elizabeth II: The Biography, University Press (2019) - https://amzn.to/2Tatq1f

A Brief History of the Private Life of Elizabeth II, Michael Paterson (2012) - https://amzn.to/394Qjsq

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du