Curiosidades » Entretenimento

Série documental disponível na HBO Max se aprofunda na insólita história do Heaven's Gate

Heaven's Gate: The Cult of Cults, foi lançada em 2020 e apresenta um relato profundo sobre o caso

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 13/10/2021, às 20h08

Ilustração de abdução por alienígenas
Ilustração de abdução por alienígenas - Divulgação/HBO

Um dos casos mais insólitos do mundo, o suicídio em massa do culto Heaven’s Gate em 1997 é o tópico da série documental “Heaven’s Gate: The Cult of Cults” da HBO Max.

Lançado no fim de 2020, especificamente em dezembro, o seriado aprofunda-se em todos os mecanismos por trás da seita UFO que chocou o país.

Encabeçado por Marshall Applewhite, o culto acreditava que com a chegada do cometa Hale-Bopp em 1997, os membros da religião seriam levados para o céu — que chamavam de próximo nível. 

Marshall Applewhite, cabeça do culto Heaven's Gate /Crédito: Divulgação/HBO

 

No início do grupo, o suicídio não seria a maneira com que eles garantiriam essa passagem, mas foi o que aconteceu no fim, sob guia de Marshall Applewhite.

As instruções do líder e a trajetória do culto resultou no momento em que trinta e nove pessoas foram encontradas mortas na casa em que o culto atuava, em San Diego.

Com gravações e relatos de sobreviventes e familiares dos membros do culto nos quatro episódios da série, a história intrigante de Marshall, Bonnie Nettles e o culto Heaven’s Gate ainda é envolvente para o público.