Coronavírus » Brasil

19 estados não irão exigir prescrição médica na vacinação de crianças

Além do Distrito Federal, 19 estados afirmaram que o documento não será obrigatório para o público entre 5 e 11 anos

Pamela Malva Publicado em 28/12/2021, às 19h00

Imagem meramente ilustrativa de criança sendo vacinada
Imagem meramente ilustrativa de criança sendo vacinada - Getty Images

Na última sexta-feira, 24, após o Ministério da Saúde recomendar a vacinação de crianças com idades entre 5 e 11 anos contra o coronavírus, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) decidiu que não será necessário apresentar prescrição médica no ato da imunização dos pequenos.

Agora, segundo o G1, pelo menos 19 estados brasileiros, além do Distrito Federal, afirmaram que não irão exigir o documento, seguindo o posicionamento do Conass — que foi divulgado em uma carta aberta escrita pelo presidente do conselho.

Outros seis estados — Alagoas, Amapá, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima e Tocantins — ainda não se manifestaram sobre a necessidade da prescrição médica. Enquanto isso, o governo do Amazonas afirmou que irá aguardar pelo posicionamento do Ministério da Saúde para tomar qualquer decisão.

É importante pontuar que, segundo a Anvisa, a dose administrada para o público com idades entre 5 e 11 anos será bem menor do que a recebida pelos outros grupos — sendo classificada por uma cor diferente das demais, de acordo com a Pfizer.