Coronavírus » Pandemia

Brasil tem caso confirmado de reinfecção por coronavírus

Paciente é uma profissional de saúde, de 37 anos, que atua no Rio Grande do Norte e na Paraíba — sua primeira infecção aconteceu em junho, quando apresentou dores de cabeça, dor abdominal e coriza

Fabio Previdelli Publicado em 10/12/2020, às 10h00

Imagem ilustrativa de um teste positivo para Coronavírus
Imagem ilustrativa de um teste positivo para Coronavírus - Pixabay

O primeiro caso de reinfecção pelo novo coronavírus no Brasil foi confirmado ontem, 9, pela secretaria estadual do Rio Grande do Norte. De acordo com o Ministério da Saúde, os critérios estabelecidos permitiram confirmar, por meio de resultados laborais, que trata-se do primeiro caso em solo brasileiro.  

A secretaria do estado também afirmou que a reinfecção foi confirmada por meio da metodologia da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) por sequenciamento genético. As informações foram divulgadas pelo UOL

A paciente em questão tem 37 anos e atua como profissional de saúde no Rio Grande do Norte e na Paraíba. A secretaria disse que o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do Rio Grande do Norte (Cievs-RN) recebeu a notificação de suspeita do caso no dia 23 de outubro.  

A primeira infecção da mulher aconteceu em junho, quando ela teve dores de cabeça, dor abdominal e coriza. Na época, o teste RT-PCR, feito na Paraíba, dela deu positivo e ela cumpriu isolamento social até se recuperar. Agora, a paciente voltou a apresentar esses e outros sintomas, como distúrbios gustativos e olfativos.  

Assim, suas amostras foram coletadas novamente para um teste, também na Paraíba, que confirmou o caso de reinfecção.  

Sobre coronavírus no Brasil 

Uma pesquisa divulgada em 18 de novembro por Domingos Alves, responsável pelo Laboratório de Inteligência em Saúde (LIS) da Faculdade de Medicina da USP, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, apontou que os dados epidemiológicos da covid-19 no Brasil mostram que o acréscimo de casos em outubro e novembro indicam que o país passa por uma segunda onda de contaminação. 

Na ocasião, o pesquisador explicou que o acréscimo será "mais parecido com a dos EUA do que com a da Europa, porque a Europa conseguiu controlar de verdade a transmissão, que voltou com força depois do verão, quando as pessoas foram viajar e trouxeram novas cepas do vírus para casa". 

Segundo dados levantados pelo Instituto Johns Hopkins, o Brasil já possui 6.728.452 casos confirmados de Covid-19 desde que a pandemia começou, sendo 561.846 nos últimos 14 dias e mais de 54 mil somente nas últimas 24 horas. As mortes confirmadas atingiram a marca de 178.995 pessoas, sendo que 836 delas foram informadas só ontem.