Coronavírus » Irã

Com a Sputnik V, Irã inicia campanha de vacinação contra Covid-19

País é o mais afetado do Oriente Médio

Fabio Previdelli Publicado em 09/02/2021, às 12h37

Imagem meramente ilustrativa de vacinas
Imagem meramente ilustrativa de vacinas - Pixabay

Durante cerimônia realizada hoje, 9, que foi exibida pela televisão pública, Hassan Rohani, presidente do Irã, disse que o país iniciou sua campanha de vacinação contra o novo coronavírus.

O imunizante escolhido pelo governo iraniano, que é o país do Oriente Médio mais atingido pela pandemia, é a Sputnik-V, fabricada na Rússia.  

"Começamos a vacinação contra a covid-19", declarou Rohani, que participou de uma videoconferência que marcou o início da campanha de vacinação em um hospital do Teerã, capital do Irã. 

Por lá, entretanto, a vacina Sputnik-V não será o único imunizante usado, isso porque, o país também deve receber o medicamento produzido pelo laboratório AstraZeneca, que chegará por meio do mecanismo Covax — que é administrado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) —, que visa que países com menos recursos também tenham alcance a vacinas. Essas informações foram passadas pelo ministro da Saúde do Irã, Said Namaki.  

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, o Irá já registra mais de 1.473 milhão de casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus.

Desse tanto, pouco mais de 58 mil morreram em decorrência da Covid-19, sendo 67 óbitos registrados apenas nas últimas 24 horas.