Coronavírus » Pandemia

Coronavírus: Prefeito de Buenos Aires decreta multa a quem circular sem máscara

Ação pode levar, inclusive, ao fechamento de estabelecimentos que não cumprirem com as normas de segurança contra a pandemia

Caio Tortamano Publicado em 13/04/2020, às 14h00

Imagem meramente ilustrativa de uma mulher usando máscara
Imagem meramente ilustrativa de uma mulher usando máscara - Imagem de Tumisu por Pixabay

A partir de quarta-feira, pessoas que saírem às ruas de Buenos Aires, Argentina, sem máscaras irão receber uma multa que pode ultrapassar os 6 mil reais. É o que diz o prefeito da cidade e capital, Horacio Rodríguez Larreta, em meio a pandemia do coronavírus.

A medida serve para pessoas em lojas, farmácias e transportes públicos da capital argentina. Inclusive, segundo explicou o próprio prefeito, se os funcionários de um comércio forem vistos sem máscara poderão levar a cassação da licença de funcionamento do estabelecimento.

Larreta defendeu e explicitou a necessidade das pessoas em usarem equipamentos de proteção caseiros, deixando os cirúrgicos reservados aos profissionais da saúde, que enfrentam constante falta desse tipo de máscara e proteção.

Com mais de 2.200 casos confirmados, a Argentina tem 96 mortes decorrentes do coronavírus e é um dos países que vem tomado as ações mais enfáticas entre os sul americanos para conter o avanço do Covid-19.