Coronavírus » Mundo

Covid-19: Cidade chinesa testará milhares de pessoas após aumento de casos

Exames começaram nesta terça-feira, 21

Paola Orlovas, sob supervisão de Fabio Previdelli Publicado em 21/12/2021, às 13h47

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Getty Images

Milhões de moradores da cidade chinesa de Xi’an começaram a ser testados nesta terça-feira, 21, depois de 40 novos casos de covid-19 serem detectados na cidade logo antes do início de uma temporada de viagens.

Xi’an, conhecida como uma cidade histórica, e localizada no noroeste da China, possui 13 milhões de habitantes, e adotou a medida em um momento crucial, após ter detectado 42 novos casos na terça-feira, número que elevou o total de infecções desde o dia 9 de dezembro para 91.

As autoridades de saúde de Xi’an, segundo a AFP, agora incentivam os moradores a não saírem de suas casas ou se reunirem em grandes grupos. Locais como escolas e centros recreativos também foram fechados.

Entre os locais que suspenderam suas atividades temporariamente está o museu que abriga o Exército de Terracota, que também é o mausoléu de 2.000 anos do primeiro imperador chinês. O museu avisou seu fechamento temporário no último domingo, 19.

As autoridades chinesas, ainda de acordo com a AFP, agora abordam casos do vírus com cautela, devido à proximidade dos Jogos Olímpicos de Inverno, que ocorrerão na cidade de Pequim durante o mês de fevereiro, e da celebração do Ano Lunar.