Coronavírus » Pandemia

Em Salvador, cemitério cria campanha contra coronavírus, que diz: "Fique em casa! Não queremos você aqui"

A inusitada ação foi implantada pelo cemitério Bosque da Paz, em letreiro na entrada do bairro do Trobogy

Vanessa Centamori Publicado em 31/03/2020, às 12h16

Letreiro do cemitério Bosque da Paz
Letreiro do cemitério Bosque da Paz - Divulgação

Localizado em Salvador, Bahia, o cemitério Bosque da Paz criou uma campanha de prevenção contra o coronavírus e colocou um enorme letreiro na entrada do bairro do Trobogy. A mensagem inusitada pede que pessoas fiquem em casa para evitar o aumento do número de óbitos, e consequentemente de enterros. 

Além do outdoor, o cemitério anunciou, em sua página oficial do Instagram, que também adotou medidas de prevenção contra a doença. Entre elas, as pessoas que vierem visitar os mortos no local só poderão permanecer por no máximo 1 hora no cemitério. 

Caso a morte do conhecido ou parente tenha alguma ligação com insuficiência respiratória, só poderão entrar no Bosque da Paz duas pessoas de cada vez. Se não houver nenhuma conexão com esse sintoma, será permitida a entrada de 10 pessoas por visita. 

A entrada do arborizado cemitério Bosque da Paz / Crédito: Divulgação / Google Mapas 

 

Além disso, foram suspensos todos os velórios e as cerimônias de cremação terão duração de 2 minutos para orações, antes do corpo ser recolhido. E durante a noite, não poderá ser efetuada a entrada de nenhum corpo no cemitério baiano. 

Já são 2 mortos na Bahia por coronavírus. Ontem, dia 30 de março, um boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) apontou para a existência de 20 novos casos de coronavírus na Bahia. Com isso, o total de casos confirmados no estado subiu para 176. 

Entre os vinte novos casos da doença, 14 são de Salvador, que totaliza agora 117 pessoas infectadas. Os outros casos foram nas cidades de Feira de Santana, Lauro de Freitas e Nova Soure.