Coronavírus » Pandemia

Ex-combatente da Segunda Guerra Mundial recebe alta após ser diagnosticado com coronavírus

Ermando é considerado o homem mais velho a se recuperar da doença e recebeu uma comemoração de militares e profissionais da saúde

Nicoli Raveli Publicado em 14/04/2020, às 18h00

Ermando Armelino Piveta e profissionais da saúde comemorando sua recuperação
Ermando Armelino Piveta e profissionais da saúde comemorando sua recuperação - Divulgação/Ministério da Defesa

Recentemente, a recuperação de um paciente diagnosticado com o novo coronavírus chamou a atenção. Aos 99 anos, Ermando Armelino Piveta, ex-combatente do exército durante a Segunda Guerra Mundial, foi liberado do hospital nesta terça-feira,14, após oito dias de internação.

A alta, que foi divulgada pela assessoria do Ministério da Defesa, foi celebrada por diversos militares. Além disso, o diretor do Hospital das Forças Armadas de Brasília, Rui Yutaka Matsuda, alegou que a instituição sente orgulho desta vitória.

Ermando, que é considerado o homem mais velho a se recuperar da doença, também pôde comemorar os 75 anos da Tomada de Montese, uma campanha organizada por tropas brasileiras na Itália.  

Ainda de acordo com Matsuda, a unidade cona com 12 pessoas internadas com Covid- 19 e cinco estão na UTI. "Até agora nenhum óbito e ninguém do corpo de saúde infectado internamente", afirmou. O Brasil conta com 24.169 casos confirmados e 1.378 mortes.