Coronavírus » Pandemia

"O Brasil é o primeiro país a recebê-la", diz embaixador da Índia sobre a chegada de vacinas contra o covid-19

Na última sexta-feira, 22, dois milhões de doses de imunizantes foram recebidos no Aeroporto de Guarulhos

Daniela Bazi Publicado em 23/01/2021, às 10h11

Imagem ilustrativa de vacinas do Covid-19
Imagem ilustrativa de vacinas do Covid-19 - Pixabay

Durante uma coletiva realizada no Aeroporto de Guarulhos após a chegada de um avião com lotes de vacinas para o covid-19 vindos da Índia, na última sexta-feira, 22, o embaixador indiano Suresh K. Reddy revelou que o Brasil é o primeiro a receber as imunizações feitas pelo país, definindo o dia como “histórico” para a relação entre as nações.

Na ocasião, Suresh afirmou: "Estou muito orgulhoso em informar que essa é a primeira carga que a Índia envia ao Brasil. O Brasil é o primeiro país a recebê-la. O primeiro-ministro da Índia disse que ele vai disponibilizar vacinas para todos os países no mundo. Também vamos doar vacinas para países em desenvolvimento. Vamos continuar apoiando os outros países”.

Ao total, chegaram ao país dois milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca, que estão sendo encaminhadas diretamente para o depósito da Fiocruz com escolta da Polícia Federal.

Sobre o recebimento das imunizações, o Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, que estava presente durante a chegada, disse: "É um momento muito importante para o processo de vacinação. A chegada desses dois milhões de doses de vacinas provenientes da Índia reforça o nosso programa brasileiro de vacinação".