Coronavírus » Rio de Janeiro

Pandemia: RJ fecha mais de 100 negócios por descumprimento de medidas

Prorrogado na semana passada, o decreto vigente na cidade impede a permanência em áreas públicas da região entre 23h e 5h

Pamela Malva Publicado em 16/03/2021, às 13h30 - Atualizado às 13h49

Imagem meramente ilustrativa de bar vazio
Imagem meramente ilustrativa de bar vazio - Divulgação/Pixabay

Na última quinta-feira, 11, a Prefeitura do Rio de Janeiro decidiu prolongar as medidas restritivas contra a disseminação do Coronavírus na cidade até 22 de março. No final de semana dos dias 12 a 14, contudo, o órgão teve de fechar 125 estabelecimentos que descumpriram tais medidas, além de multar outros 57 negócios, segundo o UOL.

De acordo com a Guarda Municipal, a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar, que ficaram responsáveis pela fiscalização, foram registradas ocorrências em restaurantes, bares e orlas de diversas zonas da cidade — como na Zona Sul, Barra da Tijuca, Praia da Reserva, Recreio dos Bandeirantes, Praia da Macumba, Campo Grande e Bangu.

Ao final dos três dias, então, 2.303 ações foram movidas pelos órgãos responsáveis. Entre as muitas ocorrências, foram aplicadas multas em casos de má utilização de máscaras, aglomerações e infrações de trânsito. Ainda mais, as autoridades também encerraram feiras e apreenderam mercadorias de ambulantes.

Por mais que tenha, de fato, afrouxado algumas das medidas restritivas para bares e restaurantes na cidade, o novo decreto do prefeito Eduardo Paes limita a permanência de indivíduos nas vias, áreas e praças públicas do Rio entre 23h e 5h. Ainda assim, a decisão não impede a circulação das pessoas no mesmo período, segundo o UOL.