Coronavírus » Pandemia

Pós-pandemia? China registra primeiro dia sem mortes pelo Covid-19

Apesar do otimismo, país mantém cautela para evitar segunda onda de contaminações

Fabio Previdelli Publicado em 07/04/2020, às 11h02

Cidadãos usando máscaras para evitar o contágio
Cidadãos usando máscaras para evitar o contágio - Divulgação

Nas últimas 24 horas, a China não registrou nenhuma morte por Covid-19. Essa é a primeira vez que o país não apresenta óbitos desde que os primeiros casos começaram a ser acompanhados por lá, em janeiro desse ano. A informação foi divulgada pelas autoridades de saúde nesta terça-feira, 7.

O novo coronavírus, o Sars-Cov-2, começou a ser identificado na cidade de Wuhan no fim do ano passado. Já o primeiro óbito aconteceu no dia 11 de janeiro. Desde lá, o país já registrou 3.331 mortes — esses dados já apresentam uma queda há semanas. Ontem, 6, a cidade registrou apenas uma baixa.

Assim como as mortes, o número de contágios também teve um declínio desde março. Mas parece que o país pode enfrentar uma nova onda de contágios causada por pessoas que viajaram para o exterior. Somente na terça, o país registrou 32 novos casos de contágio — totalizando mais de mil ‘casos importados’, segundo informou a Comissão Nacional da Saúde.

Desde o dia 23 de janeiro, moradores de Wuhan enfrentaram duras regras de isolamento social. Mas, agora, pouco a pouco, essas determinações estão passando por um período de transição, se tornando mais flexíveis — mesmo assim, as autoridades locais pedem que os moradores evitem ao máximo saírem de suas casas.

Coronavírus na China

Desde o começo da epidemia, o país asiático já registrou 81.740 casos confirmados de Covid-19, com 3.331 mortes. Desse número, mais de 77 mil pessoas já se recuperaram do novo coronavírus.