Coronavírus » Pandemia

Trump elogia Bolsonaro e afirma que o Brasil foi “duramente atingido” pelo novo coronavírus

O presidente estadunidense já havia compartilhado suas preocupações com a propagação da doença em território brasileiro

Redação Publicado em 02/05/2020, às 13h00

Montagem com os presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro
Montagem com os presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro - Divulgação

Na sexta-feira, 1, o presidente Donald Trump afirmou que a pandemia do novo coronavírus atingiu durante o Brasil e reforçou seus elogios a Jair Bolsonaro, o chamando de seu “grande amigo”.

O questinamento foi feito pela repórter do GloboNews, Raquel Krähenbühl, que perguntou a Trump que conselho ele daria a Bolsonaro em relação a Covid-19 e ao isolamento social. "O Brasil foi duramente atingido, mas eles têm um presidente que está fazendo um trabalho muito bom", afirmou o líder americano.

Poucos dias antes, Trump já havia demonstrado suas preocupações em relação ao aumento de mortes no Brasil por conta da Covid-19, dizendo que a curva estava "quase na vertical”.

O americano ainda elogiou o isolamento social e mencionou a Suécia, que não tinha adotado a estratégia para conter o vírus e estava com um número muito elevado de vítimas fatais, comparado aos países vizinhos.

Os dados mais recentes do Ministério da Saúde mostram que o Brasil registrou mais de 6,3 mil mortes por conta do novo coronavírus e no país, há mais de 90 mil casos confirmados da doença.