Desventuras » Personagem

Condecorada por Dom Pedro I: A saga de Maria Quitéria, a heroína nacional

Conheça a trajetória completa da mulher que se disfarçou de homem para entrar no Exército brasileiro

Redação Publicado em 11/03/2022, às 15h37

Maria Quitéria, a heroína brasileira
Maria Quitéria, a heroína brasileira - Domenico Failutti (1872-1923) / Domínio público, via Wikimedia Commons

Nascida em 1792, na Feira de Santana, na Bahia, Maria Quitériafoi a primeira mulher a ingressar no Exército brasileiro. Considerada a heroína nacional, a combatente lutou na Guerra da Independência do Brasil.

No ano de 1821, Maria Quitéria fugiu de casa e se alistou ao Exército utilizando uma identidade masculina. A vontade surgiu após Dom Pedro Ideclarar a Independência do Brasil. 

Sua imagem é tão importante para a história do país, que ela chegou a ser condecorada pelo próprio imperador.

Além disso, foi nomeada como a patrona do Quadro Complementar de Oficiais do Exército Brasileiro e atualmente faz parte, ainda, do "Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria".

Para conhecer detalhes por trás da trajetória de Maria Quitéria, ouça no podcast 'Desventuras na História', apresentado pelo professor de História Vítor Soares, idealizador do podcast 'História em Meia Hora'.

Ouça o episódio: 


+++Acompanhe Vítor Soares no Instagram: