Desventuras » Arqueologia

Mosaico feito por escravo é encontrado em igreja na Turquia

Segundo especialista, o homem criou a obra "para agradecer a Deus depois de sua emancipação". Confira imagens!

Pamela Malva Publicado em 12/01/2022, às 20h00

Fotografia da igreja onde foi encontrado o incrível mosaico
Fotografia da igreja onde foi encontrado o incrível mosaico - Divulgação/ Uşaklı Höyük Archaeological Project

Na última segunda-feira, 10, a agência Anadolu (AA) revelou uma inusitada descoberta realizada em um sítio arqueológico no sul da Turquia. Conforme repercutido pelo site Sputnik, trata-se de um mosaico feito por um escravo liberto entre os séculos 6 e 12.

Em entrevista à agência AA, a diretora do Museu de Arqueologia de Hatay, Ayse Ersoy, afirmou que o mosaico foi encontrado em uma antiga igreja na cidade de Arsuz, em Hatay. A igreja foi revelada em 2007, quando um morador local tentou plantar uma muda de laranjeira em seu quintal e se deparou com os destroços da construção.

Desde então, arqueólogos e outros especialistas analisam o local para encontrar mais informações sobre a antiga igreja católica do século 6, que tinha três naves e diversos mosaicos em seu piso. Foi assim que, neste ano, os cientistas descobriram a obra.

[Nós encontramos] um mosaico feito por um escravo para agradecer a Deus depois de sua emancipação", explicou Ersoy. "Há pavões e uma inscrição no mosaico, o que simboliza o paraíso."

Agora, a diretora do museu planeja transformar o sítio arqueológico em uma atração turística, mas sem deixar de explorar a igreja e suas riquezas. "Este local será aberto aos visitantes como um museu a céu aberto. História, areia e mar serão apresentados aos nossos visitantes, locais e estrangeiros, como um pacote total", narrou Ersoy.

Tradução: "Durante as escavações realizadas na Igreja dos Santos Apóstolos do século 6, em Arsuz, Hatay, foi encontrado um piso de mosaico com uma figura de pavão e uma inscrição na qual um escravo agradeceu a Deus depois de ser libertado. Fonte: AA."

Tradução: "Arqueólogos descobrem mosaico feito por escravo liberto agradecendo a Deus por sua emancipação na província de Hatay, no sul da Turquia."