Notícias » Ucrânia

47 ucranianos são trazidos ao Brasil em acolhida humanitária

O grupo recebeu vistos temporários e chegaram através de força-tarefa promovida pelo Ministério das Relações Exteriores

Wallacy Ferrari Publicado em 27/03/2022, às 13h00

Ucranianos deixam o país em fronteira
Ucranianos deixam o país em fronteira - Getty Images

Um grupo de 47 ucranianos, que estavam refugiados na Polônia em decorrência da crise causada pela guerra travada contra a Rússia, chegou ao Brasil no último sábado, 26, em ação de acolhida humanitária promovida pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE), articulando a imigração dos cidadãos europeus.

A ação foi realizada em conjunto com a força-tarefa da Embaixada do Brasil em Varsóvia, que providenciou toda a documentação da viagem e as notas dirigidas às autoridades migratórias, sanitárias e aeroportuárias polonesas. 

A embaixada brasileira ainda contou com o apoio do Consulado-Geral em Frankfurt, onde a conexão de voo foi realizada, embarcando o grupo no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Através de Portaria do MRE e do Ministério da Justiça e Segurança Pública, um visto temporário foi concedido aos recém-chegados junto de uma autorização de residência para acolhida humanitária.

De acordo com o portal UOL, os ucranianos que chegarem ao Brasil em decorrência da guerra sem visto, poderão solicitar uma autorização de residência nas delegacias de Polícia Federal.