Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Alemanha

77 anos após a queda do nazismo, Alemanha anula lei relacionada ao aborto na Alemanha Nazista

Lei estabelecida no regime de Adolf Hitler foi anulada nesta sexta-feira, 24

Redação Publicado em 24/06/2022, às 20h29

Imagem meramente ilustrativa - Pixabay
Imagem meramente ilustrativa - Pixabay

Uma lei criada na Alemanha Nazista fora anulada nesta sexta-feira, 24. Na data, a Alemanha finalmente aboliu a lei que impedia médicos de passarem informações sobre abortos para os pacientes. 

A decisão se deu através da câmara baixa do Parlamento Budestag, que votou pelo fim da lei relacionada ao aborto no Terceiro Reich. Como consequência, os médicos podem falar sobre o procedimento para pacientes, não correndo risco de encararem um processo.

Através de comunicado, Marco Buschmann, atual ministro da Justiça, enfatiza que os profissionais não poderiam falar sobre métodos ou possíveis riscos. 

"Por quase um século, os médicos foram proibidos e punidos por fornecer informações factuais sobre métodos e possíveis riscos para mulheres que estão pensando em interromper uma gravidez", explicou ele.

 Antes da decisão repercutida pela Reuters nesta sexta-feira, os médicos que atuam na Alemanha poderiam oferecer a interrupção da gravidez, todavia, não poderiam informar detalhes a respeito dos procedimentos.

Atualmente, o aborto em solo alemão só é autorizado em alguns casos, além de somente ser permitido num prazo de 12 semanas após a mulher engravidar.