Notícias » Europa

Arqueólogos podem ter encontrado importante abadia da Inglaterra

Em escavação no interior da Igreja moderna em Bath, foram encontradas relíquias medievais, logo acima de vestígios romanos

André Nogueira Publicado em 27/01/2020, às 07h00 - Atualizado às 07h27

Abadia de Bath
Abadia de Bath - Getty Images

Uma antiga abadia medieval do século 10, onde o rei inglês Edgar, o Pacífico, teria sido corado, pode ter sido encontrada por arqueólogos em Bath. No interior da estrutura, foram encontradas relíquias semicirculares que podem revelar uso do edifício.

A descoberta ocorreu no interior sul da atual Abadia de Bath, abaixo da altura da rua e acima de vestígios da Era Romana. A datação do material coletado na igreja durante vistoria para reforma remontam os séculos 8 ou 10, coincidindo com a coroação do monarca em 959.

Estruturas semicirculares podem ser a chave para o segredo. Perceba que o homem escava numa região que forma uma curva / Crédito: Wessex Archeology

 

“O lugar mais provável para encontrar esse tipo de estrutura é no extremo leste de um edifício eclesiástico, como uma igreja ou capela, e dado que as estruturas escavadas são cercadas por enterros saxões tardios, este é o mais provável explicação para seu uso. Isso, junto com os falecidos trabalhos em pedra e enterros saxões encontrados na abadia, fornece evidências cada vez mais fortes de que de fato encontramos parte do mosteiro anglo-saxão de Bath, perdido”, explicou Cai Manson, liderança oficial do projeto da Wessex Archeology.

O reverendo da igreja, Guy Bridgewater, ficou animado com o achado: “é incrível que agora tenhamos um registro real e possamos ter uma noção real do que era", ele afirmou ao jornalista Joe Pinkstone, do Dailymail.